jul
20

CONFIRMADO: AGÊNCIA PRO7 DÁ CALOTE EM ESTUDANTES

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    Category Em: Denuncias     Tags

O Procon-PE realizou na manhã de hoje (20), uma audiência entre a Agência PRO7 e os alunos do curso de Radiologia da Faculdade Maurício de Nassau, mas as partes não entraram em acordo. Então, no máximo em 15 dias o caso será julgado pelo órgão.

A proposta do Procon-PE era que a Agência realizasse a festa dos formandos até no máximo o mês de outubro, mas a dona da PRO7, Tábila de Lima Silva, alega não ser possível, já que a empresa abriu falência após as denúncias feitas pelos estudantes. “Não posso realizar a festa agora. Estou com uma bebê de dois meses e tive que fechar a empresa”, alegou.

Agora o Procon-PE irá julgar o caso e a empresa pode ser multada, além de receber outras penalidades. Os estudantes afirmaram que vão entrar no Juizado Especial Civel. A Delegacia do Consumidor também está investigando a agência. “Queremos o nosso dinheiro de volta. A única coisa que recebemos foram as placas e as canecas. E ela ainda queria que pagássemos 20% de multa”, disse a estudante Caroline Melo. Eles acusam a PRO7 de não cumprir o contrato feito para a realização da festa de formatura. Os alunos investiram quase R$ 13 mil para as comemorações.

Na terça-feira da próxima semana, dia 28 de julho, será realizada audiência com outra turma de Radiolagia. O prejuízo nesse segundo caso pode chegar a R$ 15 mil. Os alunos, que já se formaram e estariam aguardando as festividades, desconfiaram quando foram checar se a casa de festa estava com a data reservada. “Nossa festa seria no dia 12 de setembro. Ligamos para o buffet, que fica localizado na Zona Norte, e não há reserva, nem contrato com a Agência PRO7”, disse um dos alunos.

Envie um comentário

Redes Sociais:

senai-dez

sesi-dez

Anuncio-gif OH

pernambucont


Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Favoritos

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog: