ago
11

COMERCIANTES NÃO PODEM MAIS DEIXAR EQUIPAMENTOS DE TRABALHO NAS PRAIAS DE OLINDA

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    Category Em: Olinda     Tags , ,

A partir de hoje (11), os comerciantes e palhoceiros que atuam na orla de Olinda não podem mais deixar os equipamentos de trabalho (mesas, cadeiras, geladeiras e guarda-sóis) na areia e no calçadão da praia, após o expediente. De acordo com a Prefeitura de Olinda, as novas regras de trabalho serão fiscalizadas e< à medida que não estiverem sendo cumpridas, os infratores serão multados.

De acordo com o secretário de Planejamento e Controle Urbano de Olinda, Estevão Brito, depois das 17h, os comerciantes têm a obrigação de recolher todo e qualquer equipamento. “A partir de hoje, estaremos apreendendo o equipamento”, disse ele, pela manhã, durante entrevista ao telejornal Bom Dia Pernambuco, da Rede Globo. 

Os comerciantes que tiverem materiais apreendidos só poderão retirá-los mediante o pagamento de multa e após 30 dias da apreensão. Segundo o secretário, em caso de reincidência, o infrator poderá até perder a concessão para exercer as atividades na praia. “Numa próxima etapa, vamos limitar também o número de mesas e cadeiras de cada palhoceiro”, antecipou Estevão Brito.

O objetivo da prefeitura com as novas medidas é requalificar a orla de Olinda. “É um trabalho que começa hoje mas que vamos fazer sistematicamente até resolver o problema. A gente pede a colaboração do palhoceiro, dos ambulantes. Eles precisam ganhar dinheiro, mas precisamos requalificar a orla de forma que ela fique bonita e agradável”, justificou o secretário.

 

Envie um comentário

Redes Sociais:

senai-dez

sesi-dez

an3

pernambucont


Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Favoritos

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog: