nov
19

AINDA ESTÁ DISTANTE A SOLUÇÃO PARA O LIXÃO DE AGUAZINHA

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    Category Em: Sem categorias     Tags

LIXÃO

Cresce e se acumula o volume de lixo no antigo “Lixão de Aguazinha” e a Prefeitura de Olinda informa  que não tem como solucionar o problema imediatamente. Recentemente, o secretário municipal de Serviços Públicos, Manoel Sátiro, havia dito que a situação caminhava para uma solução. Passou um mês, e a situação continua a mesma, nada mudou. No início desta semana, a reportagem do NETV flagrou a presença de crianças dividindo espaço com animais e sujeira no aterro. O acesso ao lixão segue livre e apenas um vigilante, de motocicleta, tenta controlar a entrada das pessoas. Foi encontrado até material hospitalar jogado sem qualquer proteção.

De acordo com a engenheira química e especialista em meio ambiente, Leocádia Beltrame, como o lixo é jogado sem nenhuma proteção, o terreno e a água do local já devem estar contaminados, sendo inevitável o prejuízo para o meio ambiente. Um dos pontos mais graves é o risco oferecido à população. “A decomposição gera o chorume e o gás metano, que é tóxico e prejudicial à saúde. Além disso, há o perigo de transmissão de doenças. Uma situação como essa é deplorável”, afirma a engenheira.

O secretário Manoel Sátiro reconheceu que há problemas e voltou a afirmar que ‘em breve’ tudo será resolvido, com o pagamento da empresa que trata o lixão. A solução não chega antes do final do ano: “Até o final do mês de dezembro vamos resolver essa situação. Estamos trabalhando junto com a Procuradoria para regularizar e estamos com a licitação feita para a construção da estação de transbordo”, prevê Sátiro.

Fonte/Foto: G1

Envie um comentário

Redes Sociais:

senai-dez

sesi-dez

an3

pernambucont


Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Favoritos

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog: