O Arquivo Público Estadual de Pernambuco inaugura na tarde de amanhã (21), a exposição “Pernambuco – 150 anos de folia”. A mostra foi montada com material do acervo do órgão e apresenta as manifestações da cultura carnavalesca desde a segunda metade do século XIX até hoje. A exposição ficará aberta até o final de fevereiro.

Além da inauguração da mostra, o evento servirá também para prestar homenagens ao Maestro Duda e ao jornalista e sociólogo Paulo Viana (já falecido), criador e incentivador da Noite dos Tambores Silenciosos.

A exposição reúne desde notícias de jornais e revistas – o mais antigo de 1847 – a folhetos, fotografias, pinturas e gravuras de artistas como Abelardo da Hora. Apresenta também documentos administrativos, como portarias de órgãos policiais, e ofícios com pleitos e recomendações que mostram a repressão policial sobre a manifestação popular, independentemente de estarmos vivenciando períodos de democracia relativa ou de ditadura.