fev
24

CRIME AMBIENTAL: DERRUBADA DE ÁRVORES EM ÁREA DE PRESERVAÇÃO

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    Category Em: Olinda     Tags , ,

apaO proprietário de um sítio situado na área rural de Olinda, próximo ao bairro de Ouro Preto, tem agido contra a lei ao derrubar árvores no terreno. Isso porque a propriedade está dentro de uma Área de Preservação Ambiental (APA), onde é proibida a retirada de vegetação. Em denúncia foi feita pelo WhatsApp da Folha, que mostrou a situação do local.

Segundo o denunciante, além do desmatamento, o dono do terreno tem promovido o aterramento de uma área de charco próxima a uma nascente de rios. Os leitos, então, têm se reduzido a pequenos cursos de água.

Segundo vizinhos da área, também é possível ver estacas de madeira demarcando as áreas onde o proprietário estaria planejando plantar bananeiras. Como o terreno tem vegetação de Mata Atlântica, o plantio de bananeiras não é permitido, por serem plantas não-nativas.

O leitor afirma que um grupo de 30 moradores da localidade, juntamente com o Conselho Gestor da APA em questão, já fizeram diversas denúncias aos órgãos competentes, incluindo a Prefeitura de Olinda e a CPRH, mas nenhum deu retorno prático. “O processo de devastação é muito rápido e a Prefeitura é muito lenta. Quase não há mais árvores no sítio. A impressão é que alguém jogou uma bomba lá dentro para limpar tudo”, afirma o denunciante.

A Prefeitura de Olinda informou que tem conhecimento da situação e está tomando as medidas legais cabíveis para solucionar o caso.

Fonte: Folhape

Envie um comentário

Redes Sociais:

senai-dez

sesi-dez

Paixão de Cristo 2018

pernambucont


Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Favoritos

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog: