maio
9

ANDRADE GUTIERREZ PEDE DESCULPAS POR IRREGULARIDADES

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    Category Em: Política     Tags ,

agA Andrade Gutierrez, segunda maior empreiteira do Brasil, divulgará nesta segunda-feira (09) um “pedido de desculpas ao povo brasileiro” por ilegalidades praticadas em obras públicas investigadas pela Operação Lava Jato.

No texto, publicado em diversos jornais, a empresa afirma que reparará os danos e apresenta oito “propostas para um Brasil melhor”, referentes a licitações e contratos para obras públicas.

“Reconhecemos que erros graves foram cometidos nos últimos anos e, ao contrário de negá-los, estamos assumindo-os publicamente […] É preciso aprender com os erros praticados e, principalmente, atuar firmemente para que não voltem a ocorrer”, diz o anúncio da Andrade.

A empresa afirma que, desde dezembro de 2013, está implantando um “moderno modelo de compliance [transparência], baseado em um rígido Código de Ética e Conduta”.

“Acreditamos que a Operação Lava Jato poderá servir como um catalisador para profundas mudanças culturais, que transformem o modo de fazer negócios no país. Esperamos que esse manifesto contribua para um grande debate nacional acerca da construção deste Brasil melhor, ajudando na eliminação de alguns de seus piores defeitos, como o desperdício de dinheiro público e a impunidade”, diz o texto da empreiteira.

“Reconhecemos que erros graves foram cometidos nos últimos anos e, ao contrário de negá-los, estamos assumindo-os publicamente […] É preciso aprender com os erros praticados e, principalmente, atuar firmemente para que não voltem a ocorrer”, continua o anúncio.

Por fim, a empreiteira propõe, entre outras coisas, a obrigatoriedade de estudo de viabilidade técnica e econômica antes do lançamento do edital de uma obra, a obrigatoriedade de obtenção de todas as licenças ambientais antes de iniciar uma obra e a aferição, por empresa especializada, dos serviços executados.

Na última quinta-feira (05), o juiz federal Sérgio Moro, que conduz a Lava Jato em Curitiba (PR), homologou o acordo de leniência da empreiteira – uma espécie de colaboração premiada para empresas, com objetivo de abrandar punições, como a proibição de contratar com o poder público. A empreiteira vai pagar indenização de R$ 1 bilhão, a maior da Lava Jato até agora.

Envie um comentário

Redes Sociais:

senai-dez

sesi-dez

Paixão de Cristo 2018

pernambucont


Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Favoritos

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog: