jul
27

CONVERSA DE PÉ DE OUVIDO: RICARDO COSTA EM TRATAMENTO DE SAÚDE, JOGARÁ A TOALHA E INDICARÁ VICE DO PCdoB EM OLINDA

AuthorPostado por: Maraba Soares    Category Em: Artigos, Eleições 2016, Olinda, Pernambuco, Política     Tags

Marabá Soares

Nas andanças pela Marin dos Caetés é possível escutar muitos boatos ou conversas políticas sem fundamento. Outro dia anunciaram a morte de Wellington, um personagem pitoresco que vaga pelas ruas de Olinda sem camisa, pés descalços, na maioria das vezes falando sozinho como se estivesse chateado com alguém, mas que não faz mal a ninguém. Sua morte foi lamentada em muitos perfis nas redes sociais, até se descobrir que tudo não passava de boato e o assunto acabou em piada. O fato foi tão relevante, que chegaram a criar um evento para não passar em branco: A Volta Dos Que Não Foram Ou Um Morto Muito Louco.

Esse caso serve para ilustrar um pouco de como notícias ditas e repetidas não devem muitas vezes ser levadas em consideração. O ideal é deixar o tempo passar e comprovar a veracidade do que se escutou, sem, muitas vezes, dar muito crédito, ou mesmo deixar-se comover.

Mas uma conversa de pé de ouvido, escutado nas cercanias da Câmara Municipal de Olinda, por alguém que vive nos bastidores da política olindense e que é base de apoio do PCdoB chama a atençãojogando a toalha: ‘o pré-candidato a prefeitura de Olinda, Ricardo Costa (PMDB) está em tratamento de saúde, não poderá enfrentar as durezas do pleito eleitoral, e indicará o vice na chapa do PCdoB’.

Como a campanha de Ricardo Costa tá devagar quase parando; e nem ele, tampouco a pré-candidata do PCdoB, Luciana Santos, anunciaram o nome de seus vices, a menos de cinco dias do fim do prazo, é possível que essa informação tenha fundamento. O único empecilho para que isso tome forma é a posição do presidente estadual do PMDB, deputado federal Jarbas Vasconcelos, que não suporta a comunista por sua luta em favor do retorno de Dilma Rousseff à presidência do Brasil. Tirando isso, é bem provável que daqui para a próxima sexta-feira (29) a chapa governista seja anunciada com essa surpresa.

Para Ricardo Costa (PMDB) não será a primeira vez que ele joga a toalha aos 45 minutos do 2º tempo. Em 2012 ele decepcionou sua militância quando atendeu ao pedido do ex-governador Eduardo Campos (PSB), retirou sua candidatura, mas deixou para anunciar o apoio à reeleição de Renildo Calheiros também no limite do prazo. É esperar pra ver. Afinal, em Olinda tudo pode acontecer, inclusive nada.

Envie um comentário

Redes Sociais:

senai-dez

sesi-dez

Anuncio-gif OH

pernambucont


Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Favoritos

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog: