nov
2

GOVERNO NEGA TER MONITORADO PASSOS DE CANDIDATO DERROTADO

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    Category Em: Política     Tags ,

Por meio de nota divulgada nessa terça-feira (1º), a Casa Militar do Governo de Pernambuco, órgão responsável pela segurança do governador Paulo Câmara (PSB) e dos seus familiares, desmentiu acusações do candidato derrotado à Prefeitura de Olinda, Antônio Campos, de que os seus passos na campanha do município teriam sido vigiados por agentes lotados na Segunda Seção.

Veja a íntegra da nota:

I- É completamente improcedente a declaração do candidato a prefeito de Olinda, Antônio Campos, de que ele teria sido “acompanhado” pela “Segunda Seção” da Casa Militar.

II- A Casa Militar não se envolve em processos eleitorais. Nem em Olinda e nem em nenhum outro município do Estado.

III- A Casa Militar é uma instituição de Estado, respeitada e com uma larga folha de serviços prestados a Pernambuco, justamente por atuar respeitando os limites legais e suas prerrogativas constitucionais.

Envie um comentário

Redes Sociais:

senai-dez

sesi-dez

Anuncio-gif OH

pernambucont


Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Favoritos

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog: