mar
30

Rombo na Prefeitura de Olinda ultrapassa R$ 149 milhões

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    Category Em: Olinda     Tags , ,

rombo na Prefeitura de Olinda

Demorou, mas saiu o relatório de transição da administração da Prefeitura de Olinda, entre as gestões de Renildo Calheiros (PCdoB) e a do prefeito Professor Lupércio (Solidariedade). Nesta quinta-feira (30) o relatório foi entregue ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e aponta uma dívida de R$ 149 milhões.

O texto produzido por uma empresa de contabilidade contratada pela Prefeitura de Olinda analisou as contas passadas e apontou pontos a serem melhorados nos próximos anos. No fechamento das contas, a equipe de transição identificou uma dívida de R$ 149.342.118,98, sendo a maior parte (R$ 122.082.795,91) a dívida consolidada do município. Os demais R$ 27.259.538,90 são referentes a restos a pagar (R$ 17.722.112,78) e despesas de exercício anterior (R$ 9.537.526,12), dentre as quais os direitos deixados dos servidores: licença-prêmio e férias não gozadas, por exemplo.

Esse débito, de acordo com a Secretaria da Fazenda e Administração de Olinda, pode dificultar a implementação de novos projetos que beneficiem a cidade e a população, já que esse valor deve ser diluído nas contas da atual gestão. A titular da pasta, Janaína Acioli, afirmou, inclusive, que a máquina pública terá que enfrentar o ano de 2017 com déficit orçamentário de R$ 5 milhões. O orçamento de R$ 802.414.000,00 para este ano foi aprovado em 2016, ainda na gestão Renildo Calheiros.

Na avaliação da secretária Janaína Acioli, as falhas encontradas nos processos internos são resultado de uma gestão desorganizada. “O sentimento da equipe é que não havia esforço administrativo da gestão passada para implementar uma administração eficiente”, comentou Janaína.

Além da dívida, a equipe de transição identificou pontos a serem trabalhados pela atual gestão para uma melhor administração pública, a exemplo do modelo. Antes, o processo empregado permitia que o mesmo equipamento fosse adquirido por preços diferentes, pois as comissões de licitação não eram integradas. Por exemplo, dois carros, do mesmo modelo, poderiam ser locados por valores diferentes, sendo que um estaria à disposição da Secretaria de Saúde e outro de Serviços Públicos. Para evitar essa falha no processo, a atual gestão unificou as comissões de licitação e, agora, os serviços e produtos serão licitados corporativamente e não mais atendendo as demandas individuais das secretarias.

O processo de tombamento dos equipamentos da Prefeitura de Olinda e a falta de controle do almoxarifado também foram criticados pelo relatório de transição entregue ao MPPE. Atenta a isso, a atual gestão já iniciou o processo de tombamento de todos os móveis e equipamentos. O trabalho deve ser concluído nos próximos seis meses. 

3 Comentários to “Rombo na Prefeitura de Olinda ultrapassa R$ 149 milhões”

  • Professor Lupércio corta cargos e fará reforma administrativa em Olinda | Blog Olinda Hoje 30 de março de 2017 às 18:13

    […] gastos, cumprir os compromissos financeiros da gestão municipal com fornecedores e ainda quitar os débitos deixados (mais de R$ 149 milhões), a administração do prefeito Professor Lupércio tem feito […]

  • NAND❤️ MORAES 31 de março de 2017 às 17:40

    Parabenizo este blog pelo seu objetivo e conteúdo informativo, ajudando no desenvolvimento da nossa querida Olinda.
    Espero receber mais notícias pelo e-mail informado.
    Grato,
    NAND❤️ MORAES
    98883.6666 *** 99977.3570

  • NAND❤️ MORAES 31 de março de 2017 às 17:43

    Parabéns pelo excelente blog , informando e instruindo o povo olindense.
    NAND❤️ MORAES
    988836666 ***99977.3570

Envie um comentário

Redes Sociais:

senai-dez

sesi-dez

Anuncio-gif OH

pernambucont


Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Favoritos

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog: