Navegando todos os artigos Cultura
jan
22

Festa para comemorar 2 Anos do Centro Cultural Grupo Bongar – Nação Xambá

AuthorPostado por: Maraba Soares    CategoryEm: Cultura     Tags , ,

Uma grande festa está sendo preparada para comemorar os dois anos do Centro Cultural Grupo Bongar – Nação Xambá, em 1º de fevereiro.

Para a festa, estão programados a apresentação do Maracatu Nação Oju Obá (França), plantação de baobás, lançamento da nova coleção de Carnaval da Feira Quilombar de Arte Negra, brincadeira com Boi Quebra Coco, apresentação do Grupo Bongar e Siba, entre outras atrações. 

Serviços:

2 Anos de Centro Cultural Grupo Bongar – Nação Xambá
Data: 1º de fevereiro de 2018
Local: Centro Cultural Grupo Bongar – Nação Xambá– Rua Severina Paraíso da Silva , 5330 – Quilombo Urbano do Portão do Gelo – Nação Xambá – São Benedito – Olinda – PE
Horário: 18h às 21:30
Entrada: 1kg de alimento não perecível 
Contatos: +55 81 9 9927.6258 / bongar@uol.com.br

dez
31

Simpatias para começar bem 2018

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Cultura     Tags , ,

Para quem acredita que as simpatias podem ajudar a vida em diversos aspectos, o pai de santo Yuri de Iemanjá sugere que às 23h50min deste último dia de 2017, as pessoas rezem um Pai Nosso e tenham pensamentos positivos. Colocar uma rosa vermelha em cima de uma mesa virada para a porta principal ou para uma janela também ajuda a atrair coisas boas para o Ano Novo.

E para atrair dinheiro, neste dia 31 de dezembro, deve-se colocar uma moeda dentro de um pote. Por cima, é só encher de lentilha e sete cravos da Índia. O pote deve ficar na mesa da ceia como se fosse um enfeite. Amanhã, dia 1º de janeiro de 2018, a pessoa deve cozinhar a lentilha e comer com a família, nem que seja uma colher para cada membro. Não pode se esquecer de fazer um pedido. A moeda deve ser guardada na carteira durante o ano inteiro. Ela será um patuá para que não falte dinheiro.

Os números da sorte para 2018 são: 2, 5, 7, 8 e 11. As cores da sorte para o Ano Novo serão os tons de vermelho, rosa, branco e amarelo.

dez
14

Festival Virtuosi leva concertos gratuitos de música clássica para Olinda, Recife e João Pessoa

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Cultura     Tags

Uma programação gratuita dedicada à música clássica teve início na quarta-feira (13), durante a 20ª edição do Virtuosi – Festival Internacional de Música de Pernambuco. Durante o evento, músicos nacionais executam peças clássicas e contemporâneas em Olinda, Recife e em João Pessoa, na Paraíba, até domingo (17).

virtuose

A abertura do Virtuosi aconteceu às 19h, com a soprano Rose de Souza e o violoncelista Raiff Dantas, no Convento de São Francisco de Olinda. Nesta quinta (14), o dueto se apresenta em João Pessoa, no Centro Cultural São Francisco.

Entre sexta (15) e domingo (17), o festival leva uma série de concertos ao Teatro de Santa Isabel, no bairro de Santo Antônio, no Centro do Recife. No sábado (16), está prevista uma minimaratona de concertos, das 15h às 21h, no mesmo local. Entre as atrações, está a Orquestra Jovem de Pernambuco, que apresenta um tributo a Johann Sebastian Bach.

O Virtuosi promove, ainda, diálogos com o tema “Aprendendo a ouvir música clássica”, com o jornalista Irineu Perpétuo. Os debates acontecem na quinta (14) e na sexta (15), das 10h às 13h, no Portomídia, no Bairro do Recife, na área central da capital pernambucana.

As inscrições podem ser feitas pela internet. A programação completa do festival também pode ser conferida no site do Virtuosi.

 
 
dez
13

Dia Nacional do Forró é sinônimo de Luiz Gonzaga

AuthorPostado por: Maraba Soares    CategoryEm: Cultura     Tags , , ,

O Dia Nacional do Forró é comemorado nesta quarta-feira, 13 de dezembro. A data foi instituída pela Lei nº 11.176, sancionada pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva. O dia é uma homenagem ao nascimento do maior sanfoneiro que o Brasil conheceu – Luiz Gonzaga, que se vivo fosse completaria 105 anos. 

forró2

Em Olinda não faltam lugares para se dançar forró. Não importa onde, nos lares, bares e locais públicos, o forró, junto com o frevo, são os ritmos da cidade. Quem vem pra cá, não fica parado. E haja canela!

 

dez
5

15ª edição do Cena Brasil acontece nos dias 16 e 17 de dezembro, em Olinda

AuthorPostado por: Maraba Soares    CategoryEm: Cultura     Tags

Com respeito à diversidade e com o objetivo de promover o mundo musical que existe fora do tradicional espectro midiático, o Festival Cena Brasil chega à sua 15ª edição com o tema “Dignidade Humana & Paz”. Nos dias 16 e 17 de dezembro, várias atividades nos segmentos de música e dança agitam o Fortim do Queijo, em Olinda. A entrada é gratuita.

CB

O Cena Brasil também realiza oficinas de Fotografia e de Rádio (operação e locução). As inscrições – gratuitas – começaram na segunda-feira (4) e seguem até a próxima sexta-feira (8), com prioridade para alunos de escola pública, com idades entre 17 a 24 anos. As oficinas acontecem de 12 a 15 de dezembro. 

No palco instalado no Fortim do Queijo, os nomes que vão sacudir os 15 anos do Cena Brasil são Valdir Afonjá; Banda Marlevou; Zé Lamúria; Carranza; Pax Nindi (UK-Inglaterra); Ancestral (Jorge Riba); Coco na Pisada do Mestre; Maracatu Nação Camaleão; Lamento Negro; e o projeto Vem Dançar Olinda

Mais informações, acesse a página do Cena Brasil, ou pelo telefone (81) 3494-4478.

dez
5

Curta sobre Erasto Vasconcelos é um dos ganhadores do Festival Animage 2017

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Cultura     Tags

Foram divulgados os curtas-metragens vencedores na mostra competitiva da 8ª edição do Animage – Festival Internacional de Animação de Pernambuco. O filme francês “Manolo” levou o prêmio principal e o pernambucano “Fazenda Rosa” foi premiado como melhor entre os brasileiros. Já o escolhido pelo público foi o espanhol “Cavalls Morts”. “Fazenda Rosa” foi feito com a técnica stop-motion e homenageia o músico pernambucano Erasto Vasconcelos. Irmão do multiinstrumentista Naná Vasconcelos, ele morreu em 27 de outubro do ano passado.

erasto

Nesta edição, o festival recebeu quase 600 inscrições de 61 países. Participaram da competição 88 curtas de 28 países, divididos na Mostra Competitiva e Mostra Competitiva Infantil, com curadoria de Julio Cavani. O Animage 2017 foi realizado entre os dias 24 de novembro e 03 de dezembro, com exibições na Caixa Cultural, Cine São Luiz, Cinema do Museu, Jump – Apolo 235 e Teatro Bianor Mendonça Monteiro (Camaragibe).

Lista de vencedores:

Melhor Curta-Metragem – Grande Prêmio Animage: “Manolo”, de Abel Ringot (França)
Melhor Curta Infantil: “Le Petit Bonhomme de Poche”, de Ana Chubinidze (França)
Melhor Curta Brasileiro: “Fazenda Rosa”, de Chia Beloto (PE/Brasil)
Menção honrosa: “Torre”, de Nádia Mangolini (SP/Brasil)
Prêmio do Público: “Cavalls Morts”, de Marc Riba & Anna Solanas (Espanha) 
Melhor Direção: “Sog”, de Jonatan Schwenk (Alemanha)
Melhor Roteiro: “Catherine”, de Britt Raes (Bélgica)
Melhor Direção de Arte: “Journal Anime´”, de Donato Sansone (França)
Melhor Técnica: “Love”, de Reka Bucsi (EUA)
Menção honrosa: “The Full Story”, de Dayse Jacobs & Christopher Wilder (Inglaterra)
Melhor Som: “Susurrus”, de Na Yon Chon (EUA)

Fonte: Folha PE

 

dez
5

Reginaldo Rossi chega hoje às telonas

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Cultura     Tags , ,

reginaldo rossi

O documentário “Reginaldo Rossi, Meu Grande Amor” estreia nesta terça-feira (05). Será às 20h30, em sessão para convidados, no UCI Shopping Recife. A direção do trabalho é assinada por José Eduardo Mignoli, com produção da RTV.

No próximo domingo (10), o filme será exibido na tela da TV Globo, após o Fantástico. O filme conta com depoimentos de diversos amigos e admiradores do cantor pernambucano, entre eles Gaby Amarantos, Wanderléa, Xico Sá e Roberto Rossi, filho do cantor, que também interpreta o pai jovem.

Fonte: Folhape

nov
26

A história do bairro de Ouro Preto contada nos relatos de uma fan page

AuthorPostado por: Maraba Soares    CategoryEm: Cultura     Tags

Você sabia que o bairro de Ouro Preto se chamava Vila Felipe Herrera e que a antena da extinta TV Manchete é obra do grande arquiteto Oscar Niemeyer? Da antiga Casa-Grande do Engenho Nossa Senhora da Ajuda, você já ouviu falar alguma coisa? Você sabe quando foram inaugurados o Santuário da Mãe Rainha e a TV Globo Nordeste?

bica

Acesse a fan Page A História do Bairro de Ouro Preto. Nela você encontra essas e outras informações a respeito dessa comunidade que, segundo o Censo de 2010, possui mais de 30.000 habitantes, e fica localizada na região leste da cidade de Olinda.

Boa leitura. Ou melhor, bom passeio no passado.

nov
25

Consciência Negra: Cila do Coco e Lamento Negro tocam no CSU de Ouro Preto

AuthorPostado por: Maraba Soares    CategoryEm: Cultura     Tags , ,

Uma festa para marcar o mês da Consciência Negra acontece neste sábado (25), no Centro Social Urbano (CSU) de Ouro Preto, a partir das 14h. Promovida pelo Coletivo Beco Cultural, a programação gratuita celebra a cultura popular, com maracatu, capoeira, coco, dança afro, e hip hop; além de oficinas, culinária, palestras e rodas de debate. 

festa

A mestre coquista Cila do Coco, e o grupo Lamento Negro sobem ao palco do Coletivo Beco Cultural, localizado na subida do Morro do Peludo, S/N, Ouro Preto, Olinda (Próximo ao Santuário Mãe Rainha). 

Vale a pena conferir!

nov
25

Clube Elefante de Olinda lança camisa oficial para o Carnaval 2018

AuthorPostado por: Maraba Soares    CategoryEm: Cultura     Tags

Com 65 anos de folia, o Clube Elefante de Olinda divulgou no sábado (25) o desenho de sua camisa oficial para o Carnaval 2018. O responsável pela arte é o designer Julio Klenker.

elefante

O lançamento acontece na tarde deste sábado (26), no Bar do Déo, Largo do Amparo, regada a muito frevo. Quem comanda a orquestra é o Maestro Oséas Leão.

As camisas já podem ser adquiridas e custam R$ 30,00 no local da festa.

nov
24

Coletivo Beco Cultural inaugura em Ouro Preto, a Biblioteca Comunitária Josué de Castro

AuthorPostado por: Maraba Soares    CategoryEm: Cultura     Tags ,

Música e Poesia vão se encontrar no Sarau Poético de inauguração da Biblioteca Comunitária Josué de Castro. O evento acontece nesta sexta-feira (24), às 19h, no Centro Social Urbano, CSU de Ouro Preto, sede do Coletivo Beco Cultural. 

biblico

Josué Apolônio de Castro nasceu no Recife, em 5 de setembro de 1908, e sua morte aconteceu durante seu exílio na França, no dia 24 de setembro de 1973. Influente médico, nutrólogo, professor, geógrafo, cientista social, político, escritor e ativista brasileiro de combate à fome, Josué de Castro se destacou no cenário brasileiro e internacional não só pelos seus trabalhos ecológicos sobre o problema da fome no mundo, mas também no plano político em vários organismos internacionais. Partindo de sua experiência pessoal no Nordeste brasileiro, publicou uma extensa obra que inclui: Geografia da fomeGeopolítica da fomeSete palmos de terra e um caixão e Homens e caranguejos. Exerceu a Presidência do Conselho Executivo da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), e foi também Embaixador brasileiro junto à Organização das Nações Unidas (ONU).

O Coletivo Beco Cultural é localizado na subida do Morro do Peludo, S/N, Ouro Preto, Olinda (Próximo ao Santuário Mãe Rainha). 

nov
24

Alceu Valença faz relato emocionado sobre o músico pernambucano Tito Lívio

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Cultura     Tags

Tito Lívio foi músico, cantor e compositor pernambucano. Ele faleceu ontem, aos 60 anos, depois de passar mal, em sua casa. A causa da morte não foi informada, mas amigos acreditam que ele tenha sofrido um infarto fulminante.

tito1
Nos últimos 20 anos, Tito já havia sofrido três infartos do miocárdio e estava fazendo acompanhamento médico. Morador de Olinda, o músico será velado na própria Prefeitura da cidade, no Salão Nobre, às 9h. O enterro será às 16h, no cemitério de Santo Amaro.

Alceu Valença, em cuja voz ficou famosa a música “Arreio de prata”, parceria de Tito Lívio com Rodolfo Aureliano, escreveu relato emocionado sobre a partida do amigo. Leia a seguir:

Tito por Alceu

“Ele era a elegância em pessoa. Educado, conveniente, sensível, engraçado espirituoso. Por sua cabeça não passava concorrência, inveja, maldade, rancor e outras mazelas que habitam corações e mentes de muita gente. Compunha musica, sozinho ou acompanhado de amigos leais. Cheguei a gravar uma delas em parceria com Rodolfo Aureliano. “Arreio de Prata” é uma verdadeira joia registrada no final da década de 70 no meu LP Cinco Sentidos.

Lembro de Tito Lívio no Posto 9 de Ipanema cantarolando “Casaco Vison”, música que fala das noitadas inesquecíveis do Baixo Leblon. De repente, Tito sumiu do Bar Diagonal e voltou para Pernambuco. Daí em diante, quase não nos encontrávamos. A não ser nas quartas-feiras de cinzas, em Olinda, na saída do bloco Bicho Maluco Beleza, onde a gente batia apenas um papinho porque o “dono” do bloco tem que dar atenção a todos os malucos e convivas. O tempo passa em continuidade e eu começo a frequentar mais Olinda, cidade, como diz minha mulher, que me promove surtos criativos. 

Comecei a escolher os atores para interpretar os papéis, até que um dia Charles Theone aparece em minha casa, acompanhado de Tito para ensaiar o papel que iria interpretar. Passamos uma, duas vezes as falas e Tito observando, calado. Yanê chega a nós dizendo que o almoço estava na mesa e eu convidei Tito Lívio para dividir as deliciosas guloseimas e acepipes. Tito Lívio disse que tinha acordado tarde e estava sem fome.

Então eu pedi para que ele, pelo menos, nos desse o prazer de sentar a mesa. Entre uma garfada e outra, olhei para a cara expressiva do amigo, sua fala grave e o sotaque do nosso Pernambuco profundo. Falei: -Tito pegue essa colher, encha de comida, leve a boca e depois fale com ela cheia, feito uma pessoa mal-educada. Ele me perguntou: Por quê? Respondi: -loucura de minha cabeça. Tito encheu a boca de arroz, farofa e feijão e eu lhe pedi para falar o que lhe viesse em mente. Daí ele começou um monólogo dizendo que era um calunga de caminhão. Era tudo o que eu queria! Bati a mão na mesa e lhe falei, sorrindo. -Está contratado!. Ele: -Pra quê?. Para o papel de Severino Castilho, no meu filme. Modéstia à parte, descobri o ator que ele trazia na alma. Quem viu a Luneta do Tempo ficou impressionado com aquele ator desconhecido. 

O tempo passou e eu resolvi rodar um novo filme. Escrevi  um grande papel para ele, mas nem cheguei a lhe falar. Queria fazer uma surpresa. Ontem à noite, estava trabalhando o roteiro e imaginei Tito interpretando o novo personagem que criei pra ele.

O cara botou pra quebrar no novo papel. Interpretação nota mil. Às 23 horas fechei o computador e senti uma tristeza tomar conta de minha alma. Cheguei a comentar com minha mulher. Hoje de manhã, soube que Tito Lívio havia falecido… A vida é cinema. Saudade”.

Fonte: Folha PE

 

nov
23

Morre o cantor e compositor pernambucano Tito Lívio, aos 60 anos

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Cultura     Tags

Morreu, na madrugada desta quinta-feira (23), o cantor e compositor pernambucano Tito Lívio, aos 60 anos de idade. Ele estava em casa, em Olinda, quando passou mal e foi socorrido pelo SAMU. De acordo com os médicos que o atenderam, a causa do falecimento foi um infarto fulminante, mas o corpo está sendo levado ao Instituto Médico Legal (IML) para exames. 

tito

Tito Lívio fez parte do movimento musical do Recife na década de 1970, tendo quatro discos lançados: Feito pra tocar no rádio, Fala, Cheiro de jasmim e Galope noturno. Uma das suas músicas mais populares, Arreio de prata, foi interpretada por Alceu Valença ao lado de Rodolfo Aureliano. Tito também lançou Lua viva, com Lula Cortês e participação de Elba Ramalho. 
 
O velório será no Palácio dos Governadores, na sede da Prefeitura de Olinda, e os familiares ainda estão acertando os detalhes referentes ao enterro. Tito deixou uma única filha, Lara Lívia, de 20 anos. 
 
nov
20

Otto presta homenagens a Negrito Guapo

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Cultura     Tags

O cantor pernambucano Otto prestou homenagem ao percussionista Marcos Axé, no show que realizou na noite deste domingo (19), no encerramento do Mimo Festival, em Olinda. Na apresentação, ele lembrou, bastante emocionado, do amigo, que o acompanhava como integrante de sua banda há mais de 20 anos.

negrito
“Ele morreu porque era negro e pobre. Nem em Peixinhos, nem no HR [Hospital da Restauração], alguém seria bem atendido na emergência à 4h da manhã”, ressaltou Otto, lembrando que nesta segunda-feira (20) é celebrado o Dia da Consciência Negra, em tributo à morte de Zumbi dos Palmares. “Perdi meu maior guerreiro”, destacou o cantor. 

O cantor iniciou o show bradando “Salve Marcos Axé” e ressaltando que a música “perdeu uma das maiores contribuições artísticas humanas”. O músico Toca Ogan, da Nação Zumbi, foi quem realizou a participação especial para substitui-lo. A cena musical pernambucana perdeu o percussionista por volta das 5h30, depois de uma parada cardíaca.

Marcos Antônio Alves da Silva, 39 anos, iniciou a carreira na banda Lamento Negro, nos anos 1990. Juntamente com Chico Science, estava no bairro de Peixinhos na época, sendo capazes de tornar a comunidade conhecida pela música. Em nota divulgada na página da Prefeitura de Olinda (PMO) no Facebook, o prefeito, Professor Lupércio, decretou luto oficial durante três dias.

Marcos Axé, que se identificava pelo nome artístico Negrito Guapo, morava com a mãe em Peixinhos e deixa uma filha pequena. De acordo com a prima do músico, Creuza Silva, o local provável do velório será no Cemitério de Santo Amaro, hoje às 12h, e o enterro às 16h. 

No início da tarde deste domingo (19), uma irmã de Marcos Axé esteve no Instituto de Medicina Legal (IML) para acompanhar o corpo. A necropsia do corpo está prevista para a manhã de hoje, com liberação do corpo em seguida. Ainda segundo o instituto, o percussionista foi atendido no Serviço de Pronto Atendimento (SPA), em Peixinhos, mas não resistiu.

Fonte: Folha PE

nov
19

Morre aos 39 anos, Negrito Guapo, percussionista de Otto

AuthorPostado por: Maraba Soares    CategoryEm: Cultura     Tags , , ,

Triste notícia! Morreu na madrugada deste domingo (19) o percussionista Marcos Axé, também conhecido por Negrito Guapo aos 39 anos. O músico, que acompanhava o cantor Otto, teve uma parada cardíaca e não resistiu.

negrito

Marcos Axé se apresentaria ao lado de Otto na noite desse domingo no MIMO Festival, que acontece em Olinda. Segundo a assessoria do evento, o show será mantido.

“O pessoal da banda entende que a melhor forma de celebrar a vida dele é em cima do palco, ainda mais em Olinda. Hoje vai ser um grande show em homenagem a ele”.

Uma nota sobre a morte de Marco Axé foi divulgada na página oficial de Otto no Facebook:

“É com extremo pesar que viemos informar o falecimento do percussionista Marcos Axé, integrante da banda do cantor Otto há mais de 20 anos. Ele foi vítima de parada cardíaca na madrugada desse domingo. A apresentação do cantor no MIMO Festival, em Olinda, para a noite de hoje está confirmada. Só mesmo a magia do palco para celebrar este grande músico, amigo, irmão, filho e parceiro de vida”.

Nota deste blog:

Marcos Axé era do bairro de Peixinhos, Olinda, e a notícia de sua morte pegou toda a classe artística olindense de surpresa; por sua juventude e pelos projetos, inclusive a apresentação de Otto nesta noite no Mimo.

Fonte: Leia Já
nov
19

MIMO encerra programação com show de Otto em Olinda

AuthorPostado por: Maraba Soares    CategoryEm: Cultura     Tags , , , ,

Consagrado como o maior evento de música instrumental gratuito do Brasil, o MIMO 2017 chega ao seu terceiro e último dia de programação em Olinda deixando saudade. Mas a festa ainda não acabou, não é verdade?! 

otto

Neste domingo (19), a programação continua com o mesmo brilho dos outros dias em Olinda e do que aconteceu em cidades como Tiradentes (MG), Ouro Preto (MG), Paraty (RJ) e Rio de Janeiro (RJ). O festival termina com a apresentação do músico pernambucano Otto, apresentando seu recém-lançado álbum “Ottomatopeia”. Mas antes disso, olha só o que está reservado para hoje:

Música e Cinema

mimo1

Debate

ideias

 

Boa diversão!

nov
18

Festcrua realiza sua quarta edição em Rio Doce, neste domingo

AuthorPostado por: Maraba Soares    CategoryEm: Cultura     Tags

FESTCRUA_CHAMADA_OFICIAL1

O Festival de Cultura de Rua (Festcrua) acontece neste domingo (19), na Vila Olímpica de Rio Doce, em Olinda, a partir das 10h. Com atrações culturais e esportivas, além de feira de economia solidária, oficinas  – de grafite, basquete de rua, origami e breaking -, apresentações de dança – swingueira, dancehall e popping -, atividades de skate, bike, natação, slackline, e serviços diversos para a população, a programação tem duração de 10 horas. A entrada é gratuita.

O Festcrua é realizado sempre aos domingos e em novembro, mês que marca o Dia da Favela (4) e o Dia da Consciência Negra (20). Essa é a quarta edição do festival, 

nov
17

Xinxim da Baiana promove Pós-Mimo, pra quem acha pouco

As apresentações do Mimo 2017, conforme programação, acabam por volta das 23:30h. Nessa hora, todo olindense que se preze tá estigado pra escutar mais música, dançar, curtir a noite. A cidade tá acesa, e o Xinxim da Baiana é a solução. O espaço cultural promove a partir desta sexta-feira (17) até o próximo domingo (19), o Pós-Mimo, ‘os shows começam logo após a última apresentação’.

xinxim

Na programação desta noite, sobem ao palco Banda Limpeza; DJ Vassoura e o mestre de cerimônia é Napoleão Assunção, da rádio No PE do Ouvido. A entrada custa apenas R$ 10. O Xinxim da Baiana fica na Avenida Sigismundo Gonçalves Dias, 742, Varadouro – ao lado do Clube Atlântico.

nov
17

Sociedade dos Poetas Vivos de Olinda comemora o Dia do Cordelista, na Ribeira

AuthorPostado por: Maraba Soares    CategoryEm: Cultura     Tags , ,

O Dia do Cordelista, comemorado no dia 19 de novembro, será reverenciado neste sábado (18), na Praça Laura Nigro, na Ribeira, em Olinda. A Sociedade dos Poetas Vivos irá comemorar a data, a partir das 16h, com recital poético-musical. O acesso é gratuito.

poeta

O Dia do Cordelista foi criado pela lei Nº 12.958 de 20 de dezembro de 2005. A data marca o aniversário de nascimento do poeta brasileiro de literatura de cordel, Leandro Gomes de Barros, também conhecido como o “Primeiro sem Segundo”, que veio ao mundo em 19 de novembro de 1865, e que é considerado o 1º escritor brasileiro de literatura de cordel.

Redes Sociais:

Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Favoritos

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog: