Navegando todos os artigos Eleições 2016
abr
2

Armando mostra força e vence eleição em Ipojuca contra a família Campos

De nada adiantou João Campos (PSB), chefe de gabinete do governador de Pernambuco, ir a Ipojuca tentar garantir a vitória de Carlos Santana (PSDB) na eleição municipal que aconteceu neste domingo (02). O senador Armando Monteiro (PTB) queMarcelo defendeu a candidatura de Célia Sales, também do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), mostrou força e conseguiu eleger a sua candidata. O presidente do PTB e vereador de Olinda, Professor Marcelo, também foi apoiar a vitória do partido na eleição. 

Doze cidades de seis Estados brasileiros (PR, SC, SP, RO, SE e PE) tiveram novas eleições para escolher prefeitos e vice-prefeitos. Nessas localidades, os candidatos mais votados na eleição de outubro de 2016 tiveram os registros de candidaturas cassados pela Justiça Eleitoral. 

O comparecimento às urnas nesses municípios foi obrigatório aos eleitores que têm entre 18 e 70 anos de idade, e facultativo aos analfabetos, aos eleitores entre 16 e 18 anos incompletos e aos com mais de 70 anos. A votação ocorreu das 8h às 17h, no horário local.

O candidato mais votado para o cargo de prefeito de Ipojuca nas eleições de outubro mde 2016, Romero Sales (PTB), teve o registro da sua candidatura indeferido pela Justiça Eleitoral. O motivo foi a condenação por malversação de recursos públicos quando o candidato ainda era vereador do município.

Neste domingo (02), três candidatos disputaram a prefeitura: Carlos José de Santana (PSDB), que tem como vice João Vasconcelos da Silva (PP); Célia Agostinho Lins de Sales (PTB) e sua vice Helena Patrícia Costa Alves (PTN); e Olavo Aguiar Seve (PMN) com o vice Ivan José do Nascimento (PCdoB).

jan
24

A ELEIÇÃO DE OLINDA TERÁ NOVOS CAPÍTULOS

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Eleições 2016     Tags

Decidida no segundo turno entre o professor Lupércio e o advogado Antonio Campos, a eleição para prefeito de Olinda ainda não se encerrou. O candidato do PSB não se conformou com o resultado e ajuizou Ação de Impugnação de Mandato Eletivo contra o prefeito eleito.

slide_18

A AIME está tramitando em segredo de justiça e, pela quantidade de documentos e testemunhas anexados ao processo, conclui-se que essa batalha jurídica está longe do fim.

Já o diretório municipal do PT decidiu instaurar um processo ético-disciplinar contra 18 membros do partido que não teriam apoiado Teresa Leitão para prefeita e sim a candidata do PCdoB, Luciana Santos, apoiada pelo então prefeito Renildo Calheiros.

É outra batalha interna longa, e de desfecho imprevisível, porque a democracia interna no PT sempre funcionou. Quem for condenado em primeira instância tem direito a recurso nas outras duas e disso os atuais acusados não irão abrir mão.

Fonte: Inaldo Sampáio

jan
18

JORNALISTAS DENUNCIAM CALOTE DE LUCIANA SANTOS APÓS CAMPANHA ELEITORAL EM OLINDA

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Eleições 2016     Tags , ,

Passados quatro meses da campanha eleitoral, a deputada federal Luciana Santos (PCdoB) é acusada de ainda não ter pago os serviços dos profissionais de rádio, TV e gráfica que trabalharam na sua campanha para a Prefeitura de Olinda.

luciana-santos-derrota-748x410

O acordo inicial com os trabalhadores seria pagar 50% do valor total devido no início da campanha e os 50% restantes no final do primeiro turno. Esses acordos foram legalmente oficializados através de contratos de prestação de serviços. Notas fiscais emitidas e lançadas no site do TRE-PE.

Porém, com a derrota da deputada comunista nas urnas, o partido não cumpriu os contratos e os profissionais não receberam pelos serviços prestados nas datas estabelecidas. 

Numa manobra para que as contas da campanha da deputada não fossem rejeitas pelo TRE-PE, o PCdoB de Olinda, através do presidente municipal do partido, Luciano Moura, sugeriu um novo acordo com o profissionais e assim transferiram as dívidas da campanha da deputada para o PCdoB.

Nesse novo contrato estabeleceram novos prazos para os pagamentos, que mais uma vez não foram honrados pela equipe de Luciana Santos. 

O TRE-PE orientou as empresas e profissionais que não receberam seus pagamentos a declarar oficialmente que os contratos não foram cumpridos. Dessa forma, toda a documentação e contratos estão protocolados na 117ª Zona Eleitoral/Olinda.

Os profissionais lesados agora estudam, junto com advogados, entrar na Justiça com uma ação coletiva para receber os pagamentos.

Fonte/Imagem: Blog de Jamildo

dez
29

ELEITOR TEM ATÉ HOJE PARA JUSTIFICAR AUSÊNCIA NO 2º TURNO

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Eleições 2016     Tags

Quem não votou no segundo turno das eleições municipais de 2016 tem até esta quinta-feira (29) para justificar a sua ausência junto à Justiça Eleitoral. O eleitor precisa preencher o Requerimento de Justificativa Eleitoral (disponível na internet) e entregá-lo em qualquer cartório eleitoral, onde deve apresentar, também, um documento oficial original com foto, como carteira de identidade (RG), habilitação (CNH) ou carteira de trabalho (CTPS).

tre

Devem ser anexados ainda documentos que comprovem o motivo da ausência, tais como atestado médico ou comprovante de viagem. A justificativa será analisada por um juiz eleitoral, que pode acatar ou não a explicação dada pelo eleitor.

O eleitor que não justificar a ausência estará sujeito a diversas sanções, como requerer passaporte ou carteira de identidade; receber salário de entidades públicas ou assistidas pelo governo; solicitar empréstimos em qualquer banco ou estabelecimento de crédito subsidiado pelo governo; inscrever-se em concursos públicos ou tomar posse de cargos públicos.

Caso não justifique a ausência, o eleitor poderá regularizar sua situação no futuro, por meio do pagamento de multa, que será estabelecida pelo juiz eleitoral da sua cidade e pode variar de R$ 1,05 a R$ 3,51. Dependendo da situação econômica do eleitor, a penalidade pode ser multiplicada e chegar a R$ 35,10.

dez
19

PROFESSOR LUPÉRCIO É DIPLOMADO PREFEITO DE OLINDA PELO TRE-PE

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Eleições 2016     Tags , ,

O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) diplomou hoje (19) à tarde, no Teatro dos Guararapes, no Centro de Convenções, em Olinda, três prefeitos eleitos na Região Metropolitana do Recife (RMR). Geraldo Júlio (Recife), Professor Lupércio Carlos (Olinda) e Anderson Ferreira (Jaboatão dos Guararapes) foram ovacionados pelo público.

bn
 
A mistura de tons amarelo, laranja e azul – cada qual  referente à militância, na ordem dos candidatos acima – lotaram o teatro. Um dos eleitores do Professor Lupércio, Bruno Vasconcelos (na foto, à esquerda de Lupércio), vestiu a camisa laranja durante os 45 dias da campanha eleitoral. Ele acredita que Olinda vai crescer muito mais, inclusive na economia, educação e preservação do patrimônio histórico.

“Participar da campanha foi muito emocionante, aprendi muito ao lado dos olindenses. Começamos tímidos nas pesquisas eleitorais e nos últimos minutos da apuração da votação, a onda laranja tomava das ladeiras da cidade patrimônio da humanidade”, disse Bruno, emocionado.

Perfil – O prefeito eleito de Olinda, Lupércio Carlos do Nascimento (Solidariedade) iniciou a sua carreira política no movimento estudantil. Na época, tornou-se presidente do DCE da Fundação do Ensino Superior de Olinda (Funeso). Hoje, exerce mandato de deputado estadual, atento às questões da educação, saúde, esporte e lazer.

Lupércio trabalha há mais de 15 anos para melhorar a qualidade de vida dos pernambucanos. Mais conhecido como Professor Lupércio, sempre priorizou a sua cidade natal, Olinda, onde foi eleito vereador por dois mandatos, sendo o vereador mais votado da história da cidade.

Atualmente, o parlamentar está à frente de duas comunidades terapêuticas, localizadas nos municípios de Igarassu e Paulista; núcleos de saúde, centros de fisioterapia e academias do bairro em vários pontos de Olinda, além de outros trabalhos promovidos na cidade.

Uma pauta prioritária para o que Professor Lupércio é a assistência aos dependentes químicos. É o idealizador da Casa de Recuperação Cristo Liberta, que oferece aos internos cursos profissionalizantes, terapia ocupacional, consultório odontológico, recreação, cultivo de horta, possibilidade de continuação dos estudos através da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Tudo gratuitamente.

Na Assembleia Legislativa (Alepe), o Professor Lupércio é coordenador da Frente Parlamentar contra o Crack. É vice-presidente da Comissão de Esportes e autor, dentre outras, da lei que regulamenta o uso de aparelhos eletrônicos nas salas de aula do Estado de Pernambuco.

Professor Lupércio é evangélico, professor de matemática, pós-graduado, com experiência na rede pública estadual e é bacharel em Direito pela Faculdade de Olinda (Focca).

 
dez
19

PREFEITO, VICE-PREFEITO E VEREADORES DE OLINDA SERÃO DIPLOMADOS NESTA SEGUNDA-FEIRA

AuthorPostado por: Maraba Soares    CategoryEm: Eleições 2016     Tags , ,

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE), desembargador Antônio Carlos Alves da Silva, conduzirá com os juízes de Olinda (10ª Zona Eleitoral), Andréa Calado; Recife (150ª ZE), Emanuel Bonfim; e Jaboatão dos Guararapes (118ª ZE), Jader Marinho, a cerimônia de diplomação dos candidatos eleitos aos cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador dos municípios de Olinda, Recife e Jaboatão dos Guararapes.

A solenidade acontecerá na tarde desta segunda-feira, dia 19 de dezembro, no Teatro Guararapes, no Centro de Convenções, em Olinda. O início da solenidade está previsto para às 15h.

A diplomação é o ato pelo qual a Justiça Eleitoral atesta que o candidato foi efetivamente eleito pelo povo e está apto a tomar posse do cargo. Os diplomas, assinados pelos juízes eleitorais de cada Zona, serão entregues aos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores durante a solenidade.

dez
19

NOVAS ELEIÇÕES PODEM ACONTECER EM 14 MUNICÍPIOS DE PERNAMBUCO

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Eleições 2016     Tags , ,

Os cidadãos dos municípios de Ipojuca e Belo Jardim vão começar o ano de 2017 sob o comando dos
presidentes das respectivas Câmaras de Vereadores. Em ambos os casos, a Justiça Eleitoral indeferiu as candidaturas dos prefeitos eleitos em de outubro passado.

Até o momento, porém, somente Ipojelecuca tem confirmada nova eleição, mas a data será definida somente após o dia 24 janeiro de 2017, quando o Judiciário retorna do recesso. Em Belo Jardim a expectativa ainda é pelo julgamento no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A notícia foi repassada durante uma coletiva do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) na última sexta-feira (16), que também divulgou balando informando que outras 12 cidades pernambucanas estão passíveis de terem novas eleições.

As cidades contabilizadas pelo TRE-PE são Cabrobó, Jataúba, Água Preta, Cabo de Santo Agostinho, Carnaubeira da Penha, Casinhas, Chã de Alegria, Cortês, Dormentes, Gravatá, Ipubi, Riacho das Almas. Nestes casos, o Tribunal deferiu as candidaturas dos prefeitos eleitos, mas foram apresentados recursos pedindo a anulação desses pleitos junto ao TSE. 

dez
18

LUPÉRCIO E O SEU VICE SERÃO DIPLOMADOS AMANHÃ PELO TRE-PE

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Eleições 2016     Tags , ,

lup

O prefeito eleito de Olinda, deputado estadual Professor Lupércio (Solidariedade), e o seu vice, o correligionário Márcio Botelho, vão ser diplomados nesta segunda-feira (19), pelo Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE).

A cerimônia terá início às 15h, no Teatro Guararapes, localizado no Centro de Convenções de Pernambuco, no bairro de Salgadinho – Olinda.

Na eleição municipal deste ano, em Olinda, o Professor Lupércio derrotou, no segundo turno, o candidato da coligação Muda Olinda (PSB-PHS). Lupércio obteve 120.225 votos – equivalente a 57,04% dos votos válidos. Venceu o seu adversário por quase 30 mil votos de diferença.

dez
18

TRE-PE SÓ DEFINIRÁ EM JANEIRO DATA DE NOVA ELEIÇÃO EM IPOJUCA

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Eleições 2016     Tags ,

A Corte do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) decidirá sobre a data para a nova eleição do município de Ipojuca na primeira sessão de 2017, no dia 24 de janeiro do próximo ano. Na sessão, a Corte do Tribunal deverá aprovar uma resolução para realizar nova eleição em Ipojuca, em março ou abril de 2017, observando o calendário do TSE.

“Os prazos começam a contar a partir da publicação desta resolução”, afirma o secretário judiciário em exercício do TRE-PE, Marcos Valério Gomes. Nesse período, de 01 de fevereiro até a eleição do novo prefeito, quem assumirá o comando da Prefeitura de Ipojuca será o presidente da Câmara Municipal.

Por maioria de votos, o TSE manteve, na sessão do último dia 13 de dezembro, o indeferimento do registro de Romero Sales (PTB), candidato mais votado a prefeito de Ipojuca. Os ministros julgaram Romero Sales inelegível para concorrer às eleições deste ano devido a uma condenação por improbidade administrativa, com dano ao erário público e prática de enriquecimento ilícito.

Romero Sales disputou as eleições com o registro indeferido, tendo conquistado 32.496 votos nas urnas. A Corte Superior Eleitoral determinou a realização de novas eleições para prefeito e vice-prefeito em Ipojuca.

dez
16

TRE-PE FAZ COLETIVA DE IMPRENSA SOBRE POSSE DE PREFEITOS

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Eleições 2016     Tags , ,

treO presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE), desembargador Antônio Carlos Alves da Silva, convocou uma entrevista coletiva com a Imprensa para esclarecer sobre os prefeitos que possivelmente não serão diplomados.

Um dos casos abordados será o do município de Ipojuca. A entrevista será na tarde desta sexta-feira (16), às 14h30, no gabinete da Presidência, no 5º andar da sede do TRE-PE, localizada NA Avenida Governador Agamenon Magalhães nº 1.160 Graças.

dez
6

TRE-PE JULGA PEDIDO DE CASSAÇÃO DE PREFEITO ELEITO DE ITAPISSUMA

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Eleições 2016     Tags , ,

zeO pleno do Tribunal regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) deverá julgar nesta terça-feira (06), uma ação ajuizada contra o prefeito eleito de Itapissuma, Zé de Irmã Teca, do PSD (foto), e que já tem o parecer do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) favorável à cassação do eleito.

A vitória de Zé de Irmã Teca está sendo questionada pelo ex-vice prefeito do município e terceiro colocado na disputa eleitoral deste ano, Carlos Pereira, do PSB. Ele acusa o eleito por suposto abuso de poder político e econômico.

Carlos Pereira acusa Zé de Irmã Teca de ter aproveitado um show em praça pública para fazer campanha eleitoral. Segundo ele, o cantor Bell Marques (ex Chiclete com Banana) teria pedido votos para o eleito, durante um show realizado no município.

dez
3

PREFEITOS E VEREADORES DE OLINDA, RECIFE E JABOATÃO SERÃO DIPLOMADOS DIA 19 DE DEZEMBRO

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Eleições 2016     Tags , ,

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE), desembargador Antônio Carlos Alves da Silva, vai conduzir com os juízes de Olinda (10ªZona Eleitoral), Andréa Calado; Recife (150ª ZE), Emanuel Bonfim e Jaboatão dos Guararapes (118ªZE), Jader Marinho, a cerimônia de diplomação dos candidatos eleitos aos cargos de prefeitos, vice-prefeitos e vereadores nos municípios de Olinda, Recife e Jaboatão dos Guararapes. A solenidade será no dia 19 de dezembro, às 15h, no Teatro Guararapes, no Centro de Convenções, em Olinda.

A diplomação é o ato pelo qual a Justiça Eleitoral atesta que o candidato foi efetivamente eleito pelo povo. Por isso, está apto a tomar posse do cargo. O evento será restrito a esses três municípios por uma questão de logística. Os diplomas, assinados pelos juízes eleitorais de cada Zona Eleitoral, serão entregues no dia da solenidade.

Nos outros municípios de Pernambuco, as cerimônias de diplomação ocorrerão em cada cartório eleitoral. A entrega dos diplomas ocorre depois de terminado o pleito, apurados os votos e passados os prazos de questionamento e de processamento do resultado das eleições.

nov
29

TERCEIRO TURNO: MAIS UMA AÇÃO DE CAMPOS CONTRA LUPÉRCIO

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Eleições 2016     Tags , ,

O segundo turno da eleição municipal em Olinda acabou no dia 30 de outubro, com a vitória do Professor Lupércio (Solidariedade), mas o candidato derrotado (quase 30 mil votos de diferença), Antônio lupCampos (PSB), ainda não se conformou com o resultado. Parece que continua na disputa e tem o interesse de não permitir que o eleito seja diplomado pela Justiça Eleitoral.

Ontem (28), a coligação Muda Olinda, de Antônio Campos, ingressou com uma ação contra o prefeito eleito, alegando a existência de fortes indícios de Caixa 2 na campanha do Professor Lupércio. A assessoria jurídica do Partido Solidariedade informou que “todos os recursos destinados à campanha transitaram pela conta do candidato vencedor, fato que descaracteriza o Caixa Dois”.

A nota divulgada à Imprensa pela coligação Muda Olinda, com seis itens, explica os motivos da ação e ressalta que os “procedimentos não têm nenhuma conotação de vingança política ou eleitoral, mas visa não anistiar, na prática, atos que merecem ser conhecidos e avaliados pela Justiça Eleitoral”.

A ação de investigação contra o prefeito eleito baseia-se no artigo 30-A da lei nº 9.504/97 (Caixa 2 e fraude), que pode levar à negação do diploma ou à cassação do diploma do prefeito eleito e do seu vice-prefeito, que passa a estar sub judice. O candidato derrotado apresentou notitia criminis perante o TRE-PE e solicitou que o órgão requisite à Polícia Federal a abertura de inquérito para apurar os indícios de crimes eleitorais.

Resposta – A assessoria jurídica da campanha do Professor Lupércio informou que as movimentações financeiras realizadas pelo candidato no período eleitoral estão dentro da normalidade. “Todos os recursos destinados à campanha do candidato vencedor transitaram pela conta do candidato, fato que descaracteriza o Caixa Dois”, explicou o advogado Paulo Maciel.

nov
17

CANDIDATO QUE DISPUTOU 2º SEGUNDO TURNO TEM ATÉ SÁBADO PARA FAZER PRESTAÇÃO DE CONTAS

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Eleições 2016     Tags ,

eleicoesNeste sábado (19), encerra o prazo para que o prefeito eleito de Olinda, Professor Lupércio (Solidariedade), e o candidato derrotado do PSB entregar a prestação de contas final, referente aos dois turnos das eleições 2016. O prazo vale, também, para os candidatos a prefeito e partidos políticos que disputaram o segundo turno das eleições 2016 no Recife, Jaboatão dos Guararapes e Caruaru.

Para a entrega da prestação de contas final, os candidatos e partidos políticos deverão utilizar o Sistema SPCE-Cadastro 2016 (escolhendo Tipo da Entrega: Final e Turno: 2º Turno, na tela de Qualificação do Sistema), enviar o arquivo eletrônico da prestação de contas pela internet, imprimir e assinar o Extrato da Prestação de Contas emitido pelo Sistema quando do envio do arquivo eletrônico, e, juntamente com os documentos listados no art. 48, II da Resolução TSE nº 23.463/2015, protocolizar a prestação de contas no respectivo cartório eleitoral.

Os diretórios partidários municipais componentes das coligações que disputaram o segundo turno também estão obrigados a prestar contas final até o próximo sábado (19). As agremiações partidárias estaduais, bem como as demais agremiações partidárias municipais, caso tenham financiado algum candidato a prefeito no segundo turno devem prestar contas em igual prazo.

O Extrato da Prestação de Contas, documento emitido pelo Sistema SPCE-Cadastro 2016 quando do envio do arquivo eletrônico à Justiça Eleitoral, deve ser impresso e assinado pelo prestador de contas, pelo administrador financeiro, se houver, e pelo profissional de contabilidade. No caso de diretório partidário, deve ser assinado pelo presidente, tesoureiro e pelo profissional de contabilidade. Convém lembrar que é obrigatória a constituição de advogado para a prestação de contas.

Em Olinda, cabe à 117ª Zona Eleitoral o recebimento da documentação da prestação de contas. No Recife, a competência é da 6ª Zona Eleitoral; em Jaboatão dos Guararapes, compete à 11ª Zona Eleitoral; e em Caruaru é a 106ª Zona Eleitoral.

Para mais informações, consultar o site do TRE-PE ou solicitações pelo email: prestacaodecontas@tre-pe.jus.br.

nov
2

PSB: É PRECISO “RESPEITAR O RESULTADO DAS URNAS”

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Eleições 2016     Tags , ,

O PSB estadual divulgou uma nota curta, com apenas três frases, sobre as declarações do candidato derrotado à Prefeitura de Olinda, Antônio Campos (PSB) em entrevista à Folha de Pernambuco e em coletiva de imprensa realizada ontem (01), no Restaurante Samburá, no Bairro Novo.

Ressentido e demonstrando que ainda não assimilou a derrota por uma diferença de mais de 29 mil votos, Antônio Campos afirmou que o PSB estadual trabalhou contra a sua candidatura à Prefeitura de Olinda e colocou entre os culpados a sua cunhada, Renata Campos, e o governador Paulo Câmara.

Confira a íntegra da minúscula nota do PSB, demonstrando não dar maior importância ao choro do candidato derrotado e não querer polemizar com o mesmo:

O PSB de Pernambuco discorda do conteúdo da entrevista concedida pelo ex-candidato a prefeito de Olinda.

As eleições de 2016 deram ao PSB um consistente crescimento nas diversas regiões do Estado.

É princípio básico da democracia respeitar o resultado das urnas.

out
31

COLETIVA NO DIA DE FINADOS: TERÁ LAVAGEM DE ROUPA SUJA NO PSB?

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Eleições 2016     Tags , ,

A derrota do socialista Antônio Campos, ontem (30) em Olinda, vai sobrar para alguém – ou para algumas cabeças dentro do PSB. Durante encontro com a imprensa, à noite, no Carmo, logo após o resultado do pleito, o candidato aparentava não ter digerido bem a derrota para o Professor Lupércio (Solidariedade). Falou pouco, limitou-se a agradecer a militância e a candidata a vice e marcou para a próxima quarta-feira (02), Dia de Finados, uma entrevista coletiva para fazer uma espécie de balanço e análise da campanha.

Durante toda a campanha, desde o período da escolha do candidato, havia ruídos dando conta de que alguns setores e figuras dentro do PSB eram contrárias à candidatura de Antônio Campos em Olinda. Preferiam a coligação com outros partidos do campo aliado. Antônio Campos nunca deu ouvidos a isso e seguiu em frente como um trator, atropelando quem se colocava no seu caminho.

Deu no que deu: inúmeras lideranças do PSB ficaram ausentes do seu palanque no primeiro turno, inclusive o governador Paulo Câmara. O sobrinho João Câmara e a cunhada Renata Campos, filho e ex-esposa de Eduardo Campos, não fizeram sequer um pronunciamento em favor do parente. O candidato ficou entregue às traças e moscas.

No seu comentário de hoje (31), na coluna Fogo Cruzado, publicada na Folha de Pernambuco, o jornalista Inaldo Sampaio chega a afirmar que “uma ala do partido não apenas deixou o candidato entregue às moscas como trabalhou pela vitória do Professor Lupércio, para deixar João Campos sem concorrentes dentro da família”.

Então, o que se esperar para a próxima quarta-feira (02), Dia de Finados? Hoje (31) e amanhã (01), o candidato derrotado descansa, coloca a cabeça no lugar, ajusta as ideias e, na quarta-feira, poderá – ou não – disparar a sua metralhadora contra os colegas socialistas. Aguardemos, pois!

out
31

PT PERDE NAS SETE CIDADES ONDE DISPUTOU O SEGUNDO TURNO

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Eleições 2016     Tags , ,

ptO segundo turno das eleições municipais mostrou crescimento do PSDB e a queda do PT na conquista de prefeituras. O desempenho petista no segundo turno confirmou a tendência de queda que já havia sido apontada no primeiro turno. O partido não elegeu nenhum dos sete candidatos com os quais disputou ontem (30). Na região do ABC paulista (SP), onde nasceu o partido, nenhum dos dois candidatos conseguiram vitória.

No Recife, única capital em que disputou a prefeitura no segundo turno, o PT viu o atual prefeito Geraldo Júlio (PSB) vencer João Paulo (PT) por uma grande margem de votos, quase 200 mil. Já na gaúcha Santa Maria, a disputa foi apertada: o petista Valdeci Oliveira perdeu para o tucano Pozzobom por apenas 226 votos.

Candidatos petistas também disputaram em Mauá (SP), Anápolis (GO), Juiz de Fora (MG) e Vitória da Conquista (BA).

Por outro lado, o maior rival do Partido dos Trabalhadores, o PSDB conseguiu eleger 14 das 19 prefeituras que disputou em segundo turno. Os tucanos concorreram em oito capitais e venceram em cinco delas: Porto Alegre (RS), Belém (PA), Maceió (AL), Porto Velho (RO) e Manaus (AM).

Além disso, embora tenham sido derrotados em Belo Horizonte (MG), residência eleitoral do presidente do partido, senador Aécio Neves, os tucanos tiveram bom desempenho no ABC paulista. Em São Bernardo do Campo (SP), cidade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Orlando Morando (PSDB) ganhou com 59% dos votos válidos.

Em Santo André, Paulo Serra (PSDB) teve 78% dos votos, enquanto o petista Carlos Grana alcançou apenas 21%. Os tucanos levaram ainda Ribeirão Preto, cidade do ex-ministro da Casa Civil Antônio Palocci, com Duarte Nogueira sendo eleito por 56% dos votos válidos.

Já o PMDB, maior partido do país, elegeu prefeitos de três das seis capitais que disputou: Goiânia (GO), com Iris Rezende sendo eleito prefeito pela quarta vez; Florianópolis (SC), com Gean Loureiro; e Cuiabá (MT), com Emanuel Pinheiro.

No total, o partido levou oito das 15 cidades que disputou no segundo turno. Em Macapá (AP), residência eleitoral do ex-presidente da República e uma das principais lideranças peemedebistas, José Sarney, o partido perdeu a disputa da prefeitura para a Rede.

Comparação com 2012 Em 2012, quando a ex-presidenta Dilma Rousseff (PT) ainda governava, o desempenho do PT nas eleições municipais foi muito superior ao de agora. O partido tinha eleito, naquele ano, 630 prefeitos em primeiro tuno, e levou 21 para o segundo turno. Desses, oito foram eleitos.

Mantendo a tendência de crescimento já apresentada no primeiro turno desta eleição, o PSDB continuou em trajetória ascendente neste segundo turno em relação a 2012. Nas últimas eleições, o partido elegeu 686 prefeitos em primeiro turno e enviou 17 para o segundo turno, tendo eleito oito prefeitos na segunda fase. Este ano, foram eleitos 14 dos 19 candidatos tucanos que disputaram o segundo turno.

Nas eleições municipais passadas (2012), o PMDB elegeu 1.015 em primeiro turno e disputou com 16 candidatos o segundo turno, elegendo mais seis. Agora, o partido disputou o segundo turno com 15 candidatos e conquistou oito prefeituras.

Fonte: Agência Brasil

out
30

CAMPOS RECONHECE DERROTA E AGRADECE OS VOTOS RECEBIDOS

AuthorPostado por: Maraba Soares    CategoryEm: Eleições 2016     Tags ,

Depois que o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) anunciou o resultado da eleição em Olinda, confirmando o Professor Lupércio (Solidariedade) como o novo prefeito da cidade, o socialista Antônio Campos divulgou uma nota curta à Imprensa. Ele recebeu os repórteres na Ribeiro Recepções (Rua do Bonfim, 20), ao lado da faculdade Focca, no Carmo.

Apesar da insistência dos repórteres, sobre a opinião do socialista para o fracasso nas urnas, ele não mencionou uma palavra a mais do que estava registrada na nota. Limitou-se a informar que na próxima quarta-feira (02), Dia de Finados, concederá uma entrevista coletiva, onde fará um balanço da eleição.

Não resta dúvidas que o candidato está magoado com setores do PSB que não se empenharam na sua candidatura. Se Antônio Campos pretende da nome aos bois, fazer críticas ao partido e lavar a roupa suja, isso deverá acontecer no Dia de Finados, na próxima quarta-feira (02).

Nota – No texto enviado à Imprensa, Antônio Campos agradece os mais de 90 mil votos recebidos dos olindenses e deseja ” Olinda a mudança que ela merece”. Ele garante que a coligação Muda Olinda saiu vitoriosa da eleição “por ter resistido por um projeto novo para a cidade, com propostas e projetos”.

Campos também fez agradecimento à militância e à candidata a vice-prefeita, Ceça Silva, “por ter sido uma guerreira e peço a Deus que derrame bênçãos sobre a nossa amada Olinda. Vejo o futuro com fé e esperança”. E deixou um recado: “Um Campos Arraes nunca desiste da luta. Estarei sempre ao lado de Olinda”. 

 
out
30

LUPÉRCIO É O NOVO PREFEITO DE OLINDA: 120.225 VOTOS

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Eleições 2016     Tags , ,

Numa das disputas mais tensas deste segundo turno em lupercio-748x410Pernambuco, o candidato do Partido Solidariedade, Professor Lupércio, levou a melhor e se tornou o novo prefeito de Olinda. Ele saiu das urnas com 120.225 (57,04%), contra 90.558 (42,96%) de Antônio Campos (PSB).

Com a vitória o Professor Lupércio será o sucessor de 16 anos de administrações do PCdoB. Até junho, pouca gente tinha ouvido falar do novo prefeito. Vereador por duas vezes, ele foi eleito deputado estadual em 2014 graças à chapinha montada pelo Solidariedade.

Quando começou a cogitar a candidatura à Prefeitura de Olinda, muitos atores políticos da cidade viam na movimentação uma articulação para fortalecer a sua reeleição para a Assembleia Legislativa. No entanto, com o início da campanha, ele começou logo aparecendo na terceira posição, atrás da ex-prefeita Luciana Santos (PCdoB) e da ex-candidata Izabel Urquisa (PSDB).

Apurados os votos do primeiro turno, Professor Lupércio ficou na segunda posição, com 23,38% dos votos. No segundo turno, travou um embate monotemático com Antônio Campos sobre a naturalidade dos candidatos.

Também viu o adversário tentar colocar-lhe a pecha de candidato do PCdoB, de Renildo Calheiros e de Luciana Santos.

Com os votos apurados, venceu com uma diferença de 14,08% – percentual não registrado em qualquer pesquisa.

Olinda também teve uma abstenção de 20.868 pessoas (8,05%). Dos que votaram, 8.053 (3,38%) votaram em branco, enquanto outros 19.624 (8,23%) anularam o voto.

Fonte: Folha PE

out
30

SEGUNDO TURNO: ABUSOS SÃO REPRIMIDOS PELA JUSTIÇA ELEITORAL EM OLINDA

AuthorPostado por: Maraba Soares    CategoryEm: Eleições 2016     Tags , ,

blogmagno

A Justiça Eleitoral de Olinda realizou uma apreensão de carro de som na manhã de hoje (30), conforme pf-eleicoespublicado no blog do Magno Martins. O veículo, adesivado com o número de campanha do candidato à Prefeitura, Professor Lupércio (Solidariedade), é suspeito de realizar boca de urna e foi apreendido por policiais militares no bairro de Rio Doce.

A denúncia chegou à polícia através de populares. O veículo foi conduzido por militares ao cartório eleitoral e o motorista está prestando esclarecimentos à Justiça.

E neste momento a Polícia Federal combate suspeita de compra de votos em Rio Doce. Algumas pessoas foram presas.

 

Redes Sociais:

senai-dez

sesi-dez

Anuncio-gif OH

pernambucont


Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Favoritos

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog: