Navegando todos os artigos Política
maio
7

Agora PRB é apenas “Republicanos”

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Política     Tags , ,

A convenção nacional do PRB, nesta terça-feira (07), em Brasília (DF), ratificou a alteração do nome oficial e aprovou os novos manifesto, programa e estatuto do “Republicanos“. O evento contou com a presença de deputados federais, estaduais, vereadores, prefeitos e lideranças partidária.

O deputado federal Ossésio Silva afirmou que a mudança de nome consolida a posição do partido como conservador nos costumes e liberal na economia. “Damos um grande passo em defesa da família, do jovem, da mulher e do idoso. Vamos avançando a fim de atender os interesses da população brasileira”, destacou.

Durante a convenção, o deputado Marcos Pereira (SP) foi reconduzido à presidência da legenda.

maio
7

Previdência: somente Fernando Collor deve mais de R$ 140 milhões

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Política     Tags , ,

Carlos Brickmann

O jornal virtual Poder 360 apurou que 48 parlamentares (que votarão a Previdência) devem R$ 320 milhões à Previdência. São 45 deputados e três senadores.

dívidas legítimas, que somam R$ 191 milhões; há parlamentares que não pagaram e simplesmente esperam a cobrança judicial – R$ 129 milhões.

O campeão de dívidas, diz o Poder 360, é o ex-presidente Fernando Collor de Mello (1990-1992), do PROS alagoano. Tem dívida regular e R$ 3,79 milhões, e irregular, que chega a R$ 136.238.222,00.

Collor é seguido por Elcione Barbalho, do MDB paraense, mãe do governador Helder Barbalho. A dívida regular é de R$ 23,09 milhões; a irregular, R$ 23,9 milhões.

 
maio
3

PRB vai mudar de nome

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Política     Tags , ,

O Partido Republicano Brasileiro (PRB), que em Olinda abriga a vereadora Denise Almeida, anunciou ontem (02) que pretende trocar de nome. Vai se chamar apenas “Republicanos” e terá uma linha de centro-direita.

O partido tem fortes ligações com a Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd), do bispo Edir Macedo. Em Pernambuco elegeu dois deputados dos quadros da Universal: os bispos Ossésio Silva (federal) e William dos Santos Brígido (estadual). 

Na eleição municipal de 2016, em Olinda, o PRB disputou numa coligação com o PT e PTB, indicando o candidato a vice-prefeito, Gilberto Sobral, na chapa encabeçada pela deputada Teresa Leitão. No plano nacional a legenda apoiou e participou dos governos Lula e Dilma Rousseff.

Agora os Republicanos desejam enterrar esse passado. “Não mudaremos só de nome, mas também de postura. Estamos preparando o partido agora para os próximos 15 e 20 anos”, disse o deputado federal Marcos Pereira (SP), presidente nacional do PRB desde 2011.

mar
30

Nomeações de Yves Ribeiro e Cal Volia: armando o time para a eleição de 2020 no Litoral Norte

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Política     Tags ,

O governador Paulo Câmara (PSB) nomeou dois líderes políticos do Litoral Norte da Região Metropolitana: Yves Ribeiro (PSB) e Cal Volia (PP). Yves foi prefeito de Itapissuma, Igarassu e PaulistaCal administrou Itapissuma por dois mandatos, fez o sucessor e saiu candidato a deputado estadual, no ano passado, obtendo 24.131 votos – 85% deles na metropolitana norte.

Atualmente, Igarassu é comandada por Mário Ricardo (PTB), que coordenou a campanha de Armando Monteiro ao Governo do Estado. Na ala governista, a disputa naquela cidade passa por Guilherme Uchôa Júnior, Yves e Severino Ninho. A dificuldade, segundo aliados, é juntar Yves e Ninho. Nas hostes socialistas, a conta que se faz é que, caso eles se unam, será possível vencer. Cal Volia é considerado um coringa para qualquer cidade do Litoral Norte, inclusive para Goiana.

Yves foi nomeado para o cargo de Gerente de Articulação da Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ). Cal Volia, para gestor de Projetos Especiais, da Secretaria de Planejamento. As nomeações foram publicadas no DO de ontem (29).

mar
26

Vice-presidência nacional do g100 é ocupada pelo prefeito de Igarassu

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Política     Tags ,

O prefeito de Igarassu Mário Ricardo (PTB) assumiu ontem (25) a vice-presidência nacional do grupo de cidades brasileiras com mais de 80 mil habitantes, baixa renda e alta vulnerabilidade socioeconômica, o chamado g100, da Frente Nacional de Prefeitos (FNP). 

Mário Ricardo participa, em Brasilia (DF), da 75ª Reunião da FNP que acontece até hoje (26). O g100 é composto pelas 108 cidades brasileiras com grande população e baixa arrecadação por habitante. De Pernambuco, 16 municípios participam desse grupo. 

O gestor de Igarassu, juntamente com prefeitos de outros municípios brasileiros, participou de debate com a equipe econômica do Governo Federal. Um dos questionamentos no encontro foi sobre a aplicação da reforma da Previdência e o Pacto Federativo.

mar
25

PPS agora é “Cidadania”

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Política     Tags , ,

Alexandre Acioli

Faltando pouco mais de um ano para as eleições municipais, o Partido Popular Socialista (PPS), que um dia já foi Partido Comunista Brasileiro (PCB), resolveu mudar de nome. Agora será apenas “Cidadania”. 

É a tentativa de mais um partido de fugir do desgaste e, também, tentar ludibriar o eleitorado, aparecendo de “nome novo” e também com nova identidade visual (foto).

A mudança do PPS para “Cidadania” ocorreu nesse final de semana, durante o congresso nacional extraordinário da legenda, realizado em Brasília (DF). 

De acordo com o deputado Rubens Bueno (PR), a mudança atende aos movimentos que foram para dentro do PPS, como o “Renova Brasil” e o “Agora”. Um dos principais defensores da mudança foi o líder da bancada na Câmara Federal, o deputado pernambucano Daniel Coelho.

Essa estratégia de substituir as siglas por nomes corridos vem ocorrendo nos últimos cinco anos. Foram criados partidos como a “Rede Sustentabilidade”, de Marina Silva; o “Novo”, de João Amoedo; e o “Solidariedade”, do prefeito de Olinda, Professor Lupércio.

No ano passado, o PMDB de Michel Temer, Renan Calheiros, Jader Barbalho, Romero Jucá e José Sarney voltou a se chamar-se “MDB”, sigla usada durante o regime militar. Antes, o Partido Ecológico Nacional (PEN) virou “Patriotas”;  o PTN passou a ser “Podemos”, o PTdoB virou “Avante” e o DEM de Mendonça Filho (que já foi PFL, PDS e Arena), mudou para “Democratas”.

Mas não se engane eleitor: a troca do nome do partido não significa absolutamente nada. Muda só o nome, mas as práticas dos políticos permanecem as mesmas. Se eles continuam praticando irregularidades, legislando para si e para os amigos, escondendo o lixo embaixo do tapete ou colocando o dinheiro de propinas em bancos estrangeiros, então nada muda e o cinismo continua o mesmo.

Muda apenas a máscara, colocada na cara de pau de um corpo sujo e fedorento. 

mar
22

Bolsonaro em queda

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Política     Tags , ,

Pesquisa realizada entre os dias 16 e 19 de março aponta queda na popularidade do presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL). De acordo com o Ibope, 49% dos brasileiros ainda confiam no “Capitão”. Em fevereiro esse percentual era 55% e em janeiro 62%.

Já a parcela dos brasileiros que disseram desconfiar do presidente da República subiu de 30%, em janeiro, para 44% neste mês de março. A pesquisa analisou 2.002 questionários.

O Ibope também revela que a forma como Jair Bolsonaro governa o Brasil é aprovada por 51% dos entrevistados, queda de 16 pontos em relação a janeiro. Já a parcela dos que desaprovam a forma como o presidente governa o país subiu de 21% em janeiro, para 38% em março.

fev
14

Marília Arraes apresenta projetos de lei em favor das minorias sociais

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Política     Tags , ,

A deputada federal Marília Arraes (PT) protocolou três projetos de lei (PLs) nessa quarta-feira (13), na Câmara Federal, que pretendem beneficiar minorias sociais como mulheres vítimas de violência, LGBTs, negros e trabalhadores rurais.

Os PLs contemplam desde alteração no Código Penal, a garantia de seguro desemprego aos trabalhadores rurais safristas e o atendimento prioritário no Sistema Único de Saúde (SUS) às mulheres vítimas de violência. 

No mesmo dia em que o STF começou a julgar uma ação que pede a criminalização da homofobia e transfobia, o PL 713 pede alteração no Código Penal para que se torne agravante os crimes cometidos em razão de raça, cor, etnia, religião, origem, orientação sexual e deficiência física.

fev
13

Daniel Coelho pode disputar a Prefeitura de Paulista em 2020

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Política     Tags , ,

Depois de duas tentativas sem sucesso, na corrida pela Prefeitura do Recife, em 2016 e 2012, o deputado federal Daniel Coelho (PPS) deverá buscar outras terras para fincar a sua candidatura majoritária em 2020. Os comentários que circulam é de que o dirigente estadual da legenda vai desembarcar com mala e cuia em Paulista.

O incentivo para a aventura vem de grupos que fazem oposição ao prefeito Júnior Matuto (PSB), que enfrenta um desgaste considerável e não tem um candidato natural à sua sucessão. Na eleição de 2018, Daniel Coelho foi o terceiro deputado federal mais votado no município, ficando atrás, apenas, de João Campos (18.800 votos) e Marília Arraes (7.184 votos). Daniel foi votado por 7.010 (4,94%) eleitores.

Daniel Coelho tentou, sem sucesso, a Prefeitura do Recife em 2012 e 2016. Em 2012, a coligação encabeçada por ele (PSDB, PPS, PTdoB), ficou em segundo lugar, obtendo 245.120 votos (27,65%). Geraldo Júlio (PSB) foi eleito no primeiro turno, com 51,15% dos votos.

Novamente, na disputa pela prefeitura da Capital, em 2016, Daniel Coelho obteve 162.356 votos (18,59%), ficando na terceira colocação. 

jan
1

Olindenses estarão hoje, em Brasília, para a posse de Jair Bolsonaro

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Política     Tags , , ,

Olinda estará representada na tarde deste dia 1º de janeiro de 2019, na posse do presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), em Brasília. Na “Caravana da Posse”, organizada pelo PSL Jovem, está um grupo de olindenses admiradores do presidente eleito. Cada um pagou R$ 450,00. 

O grupo viajou no início da manhã do último sábado, dia 29 de dezembro. Hoje (1º), acompanham a posse de Bolsonaro, e estarão retornando a Pernambuco, amanhã (02). São cerca de 4.300 quilômetros (ida e volta)  percorridos em quase 80 horas de viagem. 

Mas para os fãs do presidente Jair Bolsonaro vale a pena o sacrifício para participar desse momento histórico. “Estivemos dentro de tudo desde o começo. Da campanha, das carreatas, das manifestações de rua, da militância na internet, e agora chegou a hora de assistir ao vivo e in loco a colocação da ‘cereja do bolo’. Olinda estará presente na posse do Mito”, afirma o membro do PSL Jovem Olinda, Thiago Bunzen.

Além da “Caravana da Posse”, muitos outros olindenses se programaram de forma independente para estar em Brasilia hoje. 

Com informações/Foto: Observatório de Olinda

dez
30

Deputados por apenas um mês

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Política     Tags , ,

Quatro suplentes de deputados terão direito a 30 dias de mandato, com a saída e afastamento dos titulares. Com a posse de Luciana Santos (PCdoB) como vice-governadora de Pernambuco, na próxima terça-feira (01), a sua vaga na Câmara Federal será ocupada pelo deputado federal eleito Fernando Monteiro.

Já na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), Terezinha Nunes (PSDB), Gustavo Negromonte (MDB) e Cássia do Moinho (PSB-foto) tomarão posse nas vagas abertas com as saídas dos deputados Nilton Mota (PSB), Aluísio Lessa (PSB) e Rodrigo Novaes (PSD) para ocuparem as secretarias da Casa Civil, Ciência e Tecnologia e Turismo, respectivamente.

Os suplentes serão deputado apenas por um mês, até o dia 31 de janeiro, quando se encerra a atual legislatura. Em 01 de fevereiro serão empossados, na Câmara Federal e na Alepe, os deputados eleitos em 2018, para a legislatura 2019-2022.

dez
26

Paulo Câmara quer criar 133 novos cargos comissionados

A bancada de Oposição na Assembleia Legislativa (Alepe) questiona a criação de 133 cargos comissionados, inseridos pelo governador Paulo Câmara (PSB) no projeto de lei da reforma administrativa do Estado. Os novos comissionados vão custar R$ R$ 552 mil mensais aos cofres do Estado. Em quatro anos esse valor chegará a R$ 26 milhões.

O deputado Silvio Costa Filho (PRB) afirmou que a Oposição não compactua com mais esse gasto extra. Atualmente, o Estado gasta R$ 939 milhões com cargos comissionados e funções gratificadas. Com o valor empenhado durante um ano na criação desses 133 cargos, a soma de R$ 6,5 milhões seria suficiente para construir quatro Upinhas (unidades de pronto atendimento).

“O momento, agora, é de cortar despesas, enxugar o tamanho da máquina pública e não estar aumentando cargos comissionados”, afirma Silvio Costa Filho. Procurado, o Governo do Estado não se posicionou.

Fonte: Folhape

dez
26

Partido Novo não quer recursos do Fundo Partidário

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Política     Tags , ,

O Partido Novo, fundado em 2015, é a única legenda partidária do Brasil que não recebe recursos do fundo partidário. O Novo arrecada cerca de R$ 800 mil mensais dos seus cerca de 30 mil filiados e com esses recursos banca as suas despesas.

Pela lei eleitoral, o Partido Novo teria direito a R$ 27,6 milhões em 2019, mas abriu mão desses recursos. O Novo elegeu este ano apenas um governador – Romeu Zema, de Minas Gemais, que pretende governar o Estado como se fosse uma empresa privada.

“As eleições mostraram que, mesmo sem o fundo, temos condições de participar do jogo. A ideia é manter essa estratégia e provocar uma mudança de cultura”, afirmou o presidente do Novo, Moisés Jardim. Ele descartou a possibilidade de o partido passar a aceitar o dinheiro fundo partidário.

dez
24

Morre ex-deputado Nilson Gibson

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Política     Tags ,

O ex-deputado federal Nilson Gibson, de 83 anos, faleceu ontem (23) no Recife. O velório ocorreu nesta véspera do Natal (24), no cemitério Parque das Flores, no bairro do Jardim Planalto (Recife) e o sepultamento ocorreu às 16h.

Nilson Gibson cumpriu cinco mandatos de deputado federal por Pernambuco, entre os anos de 1978 e 1998. Ele era bacharel em Direito e em Economia.  Em 1967 assumiu o cargo de procurador do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

Trajetória – Iniciou a carreira política no MDB, que fazia oposição ao regime militar, e oito anos depois filiou-se à Aliança Renovadora Nacional (Arena) que apoiava o governo militar. Com o fim do bipartidarismo, filiou-se ao Partido Democrático Social (PDS), sucedâneo da Arena, e foi reeleito em 1982. Em 1986 retornou ao MDB e participou da Assembleia Nacional Constituinte.

Em 1992 votou a favor do processo de impeachment do então presidente Fernando Collor de Mello (PRN) e em 1994, foi reeleito para a Câmara dos Deputados pelo Partido da Mobilização Nacional (PMN). Pouco depois, filiou-se ao Partido Socialista Brasileiro (PSB). Em 1998 tentou sem sucesso a reeleição e deu por encerrada a sua carreira política.

dez
17

Vem aí a fusão Patriota-PRP

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Política     Tags , ,

O Patriota (ex-PEN) e o Partido Republicano Progressista (PRP) optaram pela fusão, por não terem cumprido a cláusula de barreira. A incorporação já foi averbada junto ao registro civil de ambas as legendas e encontra-se em fase final de homologação pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), segundo o presidente nacional do Patriota, Adilson Barroso.

Juntos, os partidos ultrapassam a cláusula de barreira, com mais de 2,3 milhões de votos para deputados federais. Com a fusão, o Patriota absorve o PRP. Desta forma, prevalecerá o nome e o número (51) da primeira legenda. Barroso continua sendo o presidente nacional, enquanto Ovasco Resende, ex-presidente nacional do PRP, assume a 1ª vice-presidência.

Este ano, o Patriota lançou o deputado federal Cabo Daciolo (RJ) como candidato à Presidência da República. Ele obteve 1,26% dos votos, ficando à frente de nomes tradicionais como Henrique Meirelles (MDB), Marina Silva (Rede) e Álvaro Dias (Podemos). O partido elegeu cinco deputados federais, entre eles o pernambucano Pastor Eurico, que em 2014 foi eleito pelo PSB.

Já o PRP elegeu um senador, Jorge Kajuru (GO), e quatro deputados federais, entre eles a advogada Bia Kicis (DF) que deve migrar para o PSL, do presidente eleito Jair Bolsonaro.

dez
10

Bolsonaro será diplomado hoje à tarde

Nesta segunda-feira (10), ás 16h, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília (DF), realiza a cerimônia de diplomação do presidente da República eleito, Jair Messias Bolsonaro (PSL), e do seu vice Hamilton Mourão (PRTB). A solenidade será conduzida pela presidente do TSE, ministra Rosa Weber.

Pela programação, haverá discursos do presidente eleito e da ministra Rosa Weber. Os convidados 700 poderão acompanhar o evento no plenário e em dois auditórios do TSE, onde serão instalados telões para transmissão ao vivo. A cerimônia de diplomação também será transmitida pela TV Justiça e pelo portal do Tribunal Superior Eleitoral.

A diplomação é uma etapa essencial para a posse dos candidatos eleitos e ocorre após a aprovação da prestação de contas da campanha pela Justiça Eleitoral. A movimentação financeira da campanha de Jair Bolsonaro foi aprovada, com ressalvas, no último dia 04 de dezembro. Segundo o TSE, a diplomação confirma que o político escolhido pelos eleitores cumpriu todas as formalidades previstas na legislação eleitoral e está apto a exercer o mandato.

Fonte: Agência Brasil

nov
5

PPS vai mudar de nome para permanecer como está

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Política     Tags ,

Nesta segunda-feira (05), em entrevista ao programa Folha Política, da Rádio Folha (96,7 FM), o deputado federal reeleito Daniel Coelho (PPS) revelou que o Partido Popular Socialista (PPS) deverá mudar de nome. Passará a se chamar “Movimento“. A mudança deve acontecer, no máximo, até o início de 2019 devido à necessidade de reposicionamento ideológico da legenda.

“Não é mais um partido socialista. O nome socialista não cabe mais, está desconectado. Hoje é um partido que está com uma agenda muito mais próxima de um liberalismo moderno do que com a agenda socialista. Portanto o partido precisa se reposicionar”, disse. Daniel avaliou que a maioria das legendas sofrem de crise de identidade. “Hoje há uma crise existencial em 95% dos partidos brasileiros”, apontou. Segundo ele, a mudança de nome é um compromisso assumido pelo partido no início deste ano.

Para o deputado, a mudança acompanha o processo de renovação que o partido vem passando e do surgimento de movimentos como o Livres, o Agora, o Renova e o Acredito. “Isso deu uma nova composição e uma nova cara ao PPS aqui no Estado”, pontuou. 

out
26

Dispara busca por “fascismo” na internet nesse período eleitoral

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Política     Tags , ,

Às vésperas do segundo turno, aumenta consideravelmente a busca de brasileiros por termos relacionados à política. É o que aponta um levantamento realizado pela SEMrush, líder global de marketing digital, que analisa alguns dos termos mais buscados entre setembro de 2017 e setembro de 2018. O brasileiro se mostrou mais engajado em procurar saber os significados de palavras muito mais utilizadas desde a disputa pela corrida presidencial, como “fascismo”, “comunismo“, “socialismo” e “democracia”.

O termo Fascismo foi o campeão: as buscas cresceram 643% em 12 meses. Em outubro de 2017 eram 60,5 mil buscas mensais, enquanto no mesmo período de 2018 foram 450 mil. Comunismo e Socialismo também tiveram alta nas buscas, com 232% de aumento no último ano. Já o sistema político vigente no Brasil, a democracia, é a que menos possui crescimento nas buscas, com aproximadamente 171%. Esses dados são fundamentais para entender o comportamento dos eleitores, já que muitos optam por pesquisar conceitos que podem interferir diretamente no resultado e consequências da eleição.

Já o termo direitos humanos apurou um crescimento tímido de apenas 22% no último ano, mas com um número expressivo de buscas, cerca de 135 mil apenas em setembro. Entretanto, a curiosidade sobre feminismo aumentou consideravelmente no último ano, com 232% de crescimento e mais de 200 mil buscas no último mês. Também foram expressivos os índices que revelam o aumento de procuras para corrupção e ditadura. Ambos terminaram o mês de setembro com 60 mil pesquisas, enquanto que no mesmo período ano ano passado, as buscas representavam 40 mil e 27 mil, respectivamente.

Crescimento das buscas por termos relacionados à política (set 2017 – set 2018)

  • Fascismo: 643%

  • Comunismo: 232%

  • Socialismo: 232%

  • Democracia: 171%

  • Direitos humanos: 22%

  • Feminismo: 232%

  • Corrupção: 49%

  • Ditadura: 123%

set
15

Arquidiocese de Olinda e Recife apoia campanha do voto consciente

A Arquidiocese de Olinda e Recife apoia a campanha pelo “voto consciente” lançada pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) com o objetivo de orientar os eleitores a fazerem uma escolha independente. Ontem (14), o arcebispo Dom Fernando Saburido se reuniu com o procurador regional eleitoral, Francisco Machado, para informar sobre o apoio.

O MPE lançou a campanha “Pelejando por uma eleição mais justa”, com base em folhetos de cordel e que defende uma disputa eleitoral “limpa, igualitária e democrática”.

A campanha aborda cinco temas: compra de voto, uso irregular da fé para cooptação de eleitores, segurança da urna eletrônica, notícias falsas (“fake news”) e escolha crítica dos candidatos.

Carnaval 2020

Está chegando o Sábado de Carnaval22 de fevereiro de 2020
278 dias restantes.

Paixão de Cristo 2019

Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 401 outros assinantes

Favoritos

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog:

Olinda Hoje

%d blogueiros gostam disto: