maio
10

CRIMES AMBIENTAIS SÃO TEMA DE AUDIÊNCIA PÚBLICA EM OLINDA

AuthorPostado por: Paulo Fernando    Category Em: Sem categoria     Tags

A Câmara de Vereadores de Olinda vai realizar nesta sexta-feira (10), uma audiência pública para discutir questões relacionadas à preservação da zona rural (até a Cidade Tabajara) e ao meio ambiente. A situação do desmatamento e do aterro dos cursos dágua preocupa, porque as denúncias de crimes ambientais na Cidade Tabajara não são novas: desde 2001, o fórum das entidades daquele bairro vem recorrendo à Justiça para conter os crimes ambientais. No Ministério Público de Olinda foi aberto o processo administrativo PA 002/2001 – 3a. PJDCO, que vem se arrastando há 12 anos. No município de Paulista foi aberto o inquérito civil 52/2010.

Feeling’s Motel desmatou área e está aterrando leito do Riacho da Mirueira. Foto: Alexandre Acioli

No ano passado, mais uma vez a população da Cidade Tabajara denunciou ao Ministério Público o aterro das margens do rio Piaba de Ouro (http://www.olindahoje.com/2012/05/ministerio-publico-discute-crimes.html). Depois vieram as queixas sobre a derrubadas de árvores na Base Rural de Olinda para dar lugar a loteamentos e construções irregulares. As denúncias eram de que o crime ambiental estava acontecendo na localidade conhecida como Sítio Maria Cândido, onde cerca de cinco hectares, antes cobertos com árvores do que ainda restava de Mata Atlântica, foram “limpos” pelos proprietários das terras e posseiros e transformados em loteamentos (http://www.olindahoje.com/2012/05/crime-ambiental-no-sitio-maria-candido.html). 

Desmatamento de cinco hectares no Sítio Maria Cândido , na Cidade Tabajara. Foto: Alexandre Acioli

Em janeiro deste ano, as denúncias foram de crime ambiental na Mata do Passarinho (http://www.olindahoje.com/2013/01/mata-do-passarinho-sofre-com-invasoes-e.html), onde estavam ocorrendo derrubada de árvores, queimadas, incêndios (somente em novembro de 2012, foram cinco), descarte de lixo doméstico e construções irregulares.

Também este ano a Cidade Tabajara voltou a sofrer com o aterro do Riacho da Mirueira (http://www.olindahoje.com/2013/01/moradores-denunciam-feelings-motel-por.html), o que levou os moradores do bairro prestar queixa no Ministério Público de Pernambuco (MPPE) contra os proprietários da Logística Tabajara e do Feeling’s Motel, que funcionam na PE-15. O Feeling’s invadiu e continua aterrando o leito do riacho.

Mais recentemente, no final de abril, os crimes ambientais foram registrados na Mata do Ronca, uma Área de Preservação Permanente (APP), com  141 hectares de área coberta por resquícios de Mata Atlântica, entre Olinda e Paulista. Moradores dos bairros de Águas Compridas e Santa Casa (Olinda), denunciaram que há mais de 60 dias vinha ocorrendo a derrubada de árvores para a retirada de barro. A Mata também sofreu, no ano passado, com a ocupação irregular da área, a derrubada e queima de árvores para a construção de casas e o o aterro de pequenos riachos (http://www.olindahoje.com/2013/04/mata-do-ronca-sofre-com-crime-ambiental.html

Envie um comentário

Carnaval 2020

Está chegando o Sábado de Carnaval22 de fevereiro de 2020
O grande dia está aqui.

Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 613 outros assinantes

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog:

Olinda Hoje

%d blogueiros gostam disto: