set
26

DOAÇÃO DE ÓRGÃOS: PADARIAS ENTRAM NA CAMPANHA DE SENSIBILIZAÇÃO

AuthorPostado por: Paulo Fernando    Category Em: Sem categoria     Tags


Apesar de 2,9 mil pessoas ainda esperarem na fila por um transplante em Pernambuco, muitas famílias ainda resistem e impedem a doação de órgãos de seus parentes após a morte. A partir de ontem, fazendo parte das atividades da Semana Nacional de Doação de Órgãos, a campanha “Diga sim para a vida continuar” ganha novas aliadas: as padarias do Recife, de Olinda e Jaboatão dos Guararapes.

Durante a mobilização deste ano, os estabelecimentos irão entregar aos seus clientes os pães em embalagens diferentes, com dicas sobre a doação de órgãos. As informações contidas nos sacos explicam a importância da doação de órgãos, trazem dados sobre a fila de espera e orientam sobre os procedimentos para realizar a doação. “A gente quer estimular a conversa sobre assunto, que a pessoa se informe, para que elas decidam, baseadas em informações verdadeiras, que elas querem ser doadoras. Isso é muito importante, pois facilita o processo na hora da entrevista familiar, que é um momento muito difícil, de maior perda”, conta Noemy Gomes, coordenadora da Central de Transplantes de Pernambuco.


De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), de cada dez familiares abordados, quatro ainda se negam a doar os órgãos de pacientes com quadro de morte cerebral. A semana nacional tenta reverter essa situação. Para demonstrar o interesse em ser o doador, as pessoas precisam deixar clara essa posição para a sua família. No caso de morte encefálica do paciente, os parentes devem procurar o médico responsável para expressar o desejo de doação. A partir da assinatura do termo de autorização, a Central encaminha o órgão para um receptor compatível, obedecendo a ordem da lista única do Estado.


De acordo com Noemy Gomes, a falta de informações sobre o tranplante ainda é o grande empecilho para que o número de doadores aumente. A maior lista de espera em Pernambuco é por um rim: 1.725 pessoas. Em segundo lugar estão os que precisam de transplante de córnea, 1.024; de fígado, com 126 pessoas, e, por último, coração, rim e pâncreas, cada um com quatro pacientes. Até agosto deste ano, 1.097 transplantes foram realizados no Estado, um aumento de 62% em relação ao ano passado.

Envie um comentário

Carnaval 2020

Está chegando o Sábado de Carnaval22 de fevereiro de 2020
O grande dia está aqui.

Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 613 outros assinantes

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog:

Olinda Hoje

%d blogueiros gostam disto: