fev
5

MARACATUS PEDEM PASSAGEM E PROTEÇÃO AOS ORIXÁS

AuthorPostado por: Paulo Fernando    Category Em: Sem categoria     Tags


Ontem (04) à noite, em Olinda, os adeptos e simpatizantes do candomblé realizaram mais uma cerimônia religiosa, que tradicionalmente ocorre no início da semana que antecede o Carnaval. É a “Noite dos Tambores Silenciosos”, um ritual dedicado aos antepassados e  oportunidade para pedir permissão aos orixás para colocar os maracatus na rua e pedir proteção durante o cortejo. A concentração por volta das 20h, nos Quatro Cantos, no bairro do Amparo, no Sítio Histórico. 

Dez nações de maracatus de baque virado participaram da solenidade, que aconteceu pelo nono ano, aqui em Olinda. Além do objetivo religioso da festa, os grupos presentes também aproveitaram para festejar os 150 de fundação do maracatu Nação Leão Coroado, o mais antigo em atividade e que este ano é um dos quatro homenageados do Carnaval olindense. 

A festa da noite de ontem contou com a participação de dez nações de maracatus, entre eles o aniversariante Leão Coroado, o Camaleão, Badia, Axé da Lua, Luanda, Maracambuco, Estrela de Olinda, Nação Pernambuco e Aurora Africana.
O cortejo seguiu dos Quatro Cantos pela Rua do Amparo; desceu a Rua do Bonsucesso até chegar ao Largo da Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos, escolhida para receber o ápice do cerimônia por ter sido, no passado, o espaço onde os negros tinham a liberdade de manifestação e onde podiam exercer a sua religiosidade. À meia-noite, foi iniciado o silêncio em memória dos ancestrais, solicitando a proteção, em frente ao templo religioso. 

Envie um comentário

Carnaval 2020

Está chegando o Sábado de Carnaval22 de fevereiro de 2020
O grande dia está aqui.

Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 613 outros assinantes

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog:

Olinda Hoje

%d blogueiros gostam disto: