set
17

MÍDIAS SOCIAIS COMO INSTRUMENTO DE COBRANÇAS AO PODER PÚBLICO

AuthorPostado por: Paulo Fernando    Category Em: Sem categoria     Tags


Jadson Nunes

A cada dia, surge na sociedade novos fiscais virtuais, agentes de cobranças da sociedade que fazem uso das grandes redes, como o Facebook e o Instagram, para reportarem aos quatro cantos do planeta os problemas que por ora faziam parte apenas do cotidiano local.

Diante disso, a opinião pública tem se inclinado ao clamor dessas redes e cobrado maiores ações perante as denúncias feitas pelos usuários desses meios de comunicação. Prova disto foi o maior movimento já registrado neste século XXI, aqui no Brasil, o  #vemprarua, que tomou conta dos grandes e médios centros urbanos do país este ano.

Em 2014 teremos eleições e os holofotes dos candidatos se voltam às comunidades de base, que são grandes celeiros eleitorais. Daí, a grande força das propagandas eleitorais atacar a população para barganhar apoio em prol dos seus nomes a uma das esferas de poder: presidência da República, Governo do Estado, Senado Federal, Câmara dos Deputados e Assembleia Legislativa.

Hoje, está perdido aquele parlamentar ou candidato que não se insere no meio virtual para se comunicar com o seu eleitorado. A internet é uma maneira rápida, sem custo e de bastante impacto junto à população que vive quase que 24 horas conectada em rede. 

Censura – Com a facilidade de acesso, aos endereços institucionais, ou mesmo pessoais, os internautas servem-se desses meios para expor suas queixas, fazer denúncias e, principalmente, sugerir melhorias para a sociedade. Porém, nem sempre são compreendidos. Alguns poderes usam a prerrogativa da “moderação” (censura) para publicação de alguns conteúdos, tolhendo parcialmente o direito de liberdade de expressão instituído em lei. Assim faz os administradores da página da Prefeitura de Olinda no Facebook (http://www.olindahoje.com/2013/09/prefeitura-de-olinda-faz-censura-e.html).

Por isso, cada dia mais a Imprensa têm lutado contra esse tipo de abuso de poder e deixado ainda mais claro a posição ocupada por esses membros da nossa “democracia” e nos fazendo repensar as futuras escolhas. Não podemos usar dos canais de utilidade pública como meio de promoção pessoal ou de marketing político, pois o princípio da transparência e da publicidade é que deve ser norteador dos atos da nossa administração pública.

Envie um comentário

Carnaval 2020

Está chegando o Sábado de Carnaval22 de fevereiro de 2020
O grande dia está aqui.

Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 613 outros assinantes

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog:

Olinda Hoje

%d blogueiros gostam disto: