Navegando todos os artigos com a tag Lixo
dez
3

Mutirão de limpeza na orla de Rio Doce

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

A Prefeitura de Olinda realizou nesta segunda-feira (03) um mutirão de limpeza da orla de Rio Doce e o recolhimento de materiais recicláveis para a cooperativa de catadores.

Participaram funcionários das secretarias de Meio Ambiente Urbano e Natural; Segurança Urbana e Infraestrutura, além do Comitê Gestor da Orla de Olinda, a Associação de Moradores e a  Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis (Coocencipe).

Fiscalização – No fim de semana, a Secretaria de Controle Urbano e a Guarda Municipal fizeram uma operação contra o uso de caixas de som irregulares que estavam sendo utilizadas por comerciantes na orla. Duas foram apreendidas e a Pasta explica que nenhum equipamento deste tipo pode ser usado, no intuito de melhorar o convívio de todos. 

nov
30

Após denúncia, Prefeitura de Olinda recolhe lixo na Ilha de Santana

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

Quarenta e oito horas depois da veiculação de matéria denunciando a falta de coleta de lixo na Ilha de Santana e o lixão erguido no muro da Escola Municipal Gregório Bezerra, na Ilha de Santana (Jardim Atlântico), a Prefeitura de Olinda atendeu a reivindicação da comunidade, fazendo a remoção do lixo e entulhos ao lado da unidade de ensino (foto).

O próximo passo deverá ser a limpeza do canal, que ainda não tem data definida para a execução do serviço. A nossa reportagem foi informada que será agendado um encontro entre o prefeito Professor Lupércio e o vereador Edmilson Fernandes (PSD), que reside na Ilha de Santana, para discutir outras ações que serão realizadas na comunidade.

“A informação é que o prefeito pediu para agendar uma reunião com o vereador. Ligamos para o Edmilson Fernandes e ele disse que tinha marcado com ‘Joãozinho’, que mora aqui na comunidade. Ficam jogando um para o outro”, relatou o líder comunitário Rangel Gonçalves.

Até a publicação dessa matéria, não recebemos nenhuma informação a mais acerca desse encontro, se realmente vai acontecer ou ficará somente na enrolação. 

  • Com informações de Edvan Ratis
  • Foto: Rangel Gonçalves
nov
27

Ilha de Santana sofre há meses com a falta da coleta de lixo

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , , ,

Edvan Ratis – Radialista

Há algum tempo registra-se comentários acerca da necessidade urgente de atenção à Ilha de Santana, no bairro de Jardim Atlântico – Olinda. Os moradores da localidade estão esquecidos pelo poder público municipal, bem como abandonados pelos vereadores da Marim dos Caetés. Pelo menos até agora não se tem conhecimento de nenhuma ação séria e construtiva de algum vereador na comunidade. 

Em nome dos moradores, o líder comunitário Rangel Gonçalves de Andrade desabafou, relatando que atualmente a comunidade enfrenta uma situação insustentável de acúmulo de lixo, que já perdura há meses. A “ilha de lixo” é visível, cheira mau e dá guarida à proliferação de ratos, baratas, muriçocas e outros insetos nocivos à saúde pública. “Por diversas vezes o problema foi levado ao conhecimento dos órgãos competentes e até agora nada foi feito”, queixa-se o comunitário.

A situação está afetando a comunidade escolar da Escola Municipal Gregório Bezerra, situada à Rua Santana, pois os entulhos e lixo estão acumulados justamente ao lado do equipamento público. Isso está causando um transtornos aos estudantes, professores e transeuntes que por ali passam.

Rangel Gonçalves também  afirmou que o caminhão da coleta de lixo não consegue realizar o serviço nas ruas estreitas, becos e vielas da Ilha de Santana e, por conta disso, mais de 40 artérias ficam prejudicadas, sem o recolhimento dos entulhos. Daí o acúmulo de lixo por toda a Ilha.

Por outro lado ele reconheceu que a população não sabe descartar o lixo de forma adequada e justificou que falta um trabalho ou ação educativa na comunidade, incentivando a coleta coletiva e explicando a forma correta de descartar o lixo. “Na época da ex-prefeita Luciana Santos não sofríamos com a coleta de lixo. Pelo contrário, eram disponibilizadas duas carrocinhas para o recolhimento manual, nos becos e vielas. Então, os detritos eram concentrados num ponto central na Ilha de Santana e depois recolhido pelo caminhão”, relembra Rangel Gonçalves.

Há também na Ilha de Santana um canal que corta ruas da comunidade e que fica ao lado da Defesa Civil de Olinda. O canal está entupido, cheio de mato e de garrafas pet, além de outros materiais descartados de forma irregular. Os próprios funcionários municipais não têm a preocupação de acionar os órgãos públicos para realizar pelo menos um mutirão de limpeza na localidade. Faltam, por parte deles, iniciativa e boa vontade.

Mais uma vez o pleito será encaminhado à Prefeitura de Olinda e Câmara de Vereadores. Tanto o Rangel quanto a comunidade têm esperanças de serem ouvidos e atendidos. 

Fotos: Edvan Ratis

out
18

Olinda apoia I Semana Lixo Zero Brasil

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

A partir de amanhã (19), Olinda vai receber diversas ações em alusão à Semana Lixo Zero Brasil, promovida pelo Instituto Lixo Zero do Brasil. Várias atividades estão programadas até o dia 27 de outubro, sendo quatro realizadas pela Prefeitura de Olinda: mutirão de limpeza da orla de Rio Doce (Praia da Santa), exposição fotográfica lixo marinho na Escola de Aprendizes Marinheiros (EAM), visita técnica à Mata do Passarinho e Olinda Mais Sustentável, com palestras, rodas de diálogos e mutirões de limpeza.

A Semana Lixo Zero contará com a participação de especialistas locais e nacionais em gestão de resíduos sólidos que já apresentam resultados consistentes, intervenções urbanas e ações de educação ambiental. O evento pretende sensibilizar a população e divulgar práticas de responsabilidade ambiental. 

Na programação constam atividades como palestras, pontos de coleta de resíduos, painéis, intervenções urbanas, exposições, mutirões de limpeza, caminhadas ecológicas, oficinas, visitas técnicas e apresentação de cases e abordagens sobre a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) e Educação Ambiental.

ago
27

Lixo toma conta da Avenida Frederico Lundgren, na 1ª Etapa de Rio Doce

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

O trecho da calçada da Avenida Coronel Frederico Lundgren (em frente ao nº 05, nas imediações do terreno da antiga Telpe/Telemar), na Primeira Etapa de Rio Doce, virou um verdadeiro lixão. É grande a quantidade de entulhos, lixo e restos da obra (metralhas) deixados no local. 

Próximo dali, nas imediações da ponte, todo o lixo de uma comunidade existente nas proximidades é deixado na calçada pelo próprio funcionário da Prefeitura de Olinda, responsável pela coleta dentro da comunidade.

A queixa é do leitor Sérgio Batista, cansado com a sujeira e a buraqueira na rua, o que impossibilita a locomoção dos pedestres pela calçada. “Já relatei a situação à Prefeitura na semana passada, mas até agora não obtive nenhuma resposta sobre a possibilidade de solução do problema”, afirma Sérgio.

O leitor sugere que a Prefeitura de Olinda e a Locar (empresa responsável pela coleta de lixo na cidade), providenciem a colocação de recipientes adequados e fixos para colocação do lixo, até que o caminha que faz a coleta passe no local. “Assim, possibilitamos a mobilidade dos pedestres pela calçada e evitamos acidentes”, conclçui Sérgio Batista.

Mais fotos na fanpage Olinda Hoje

ago
24

Moradores reclamam de detritos nas ruas após compactação de lixo

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

Moradores da Avenida Governador Carlos de Lima Cavalcanti, em Casa Caiada (Olinda), estão sofrendo com detritos deixados pelo caminhão da coleta de lixo do município. Segundo a professora Tânia Diogo, após recolher o lixo, o veículo compacta os resíduos em frente às calçadas dos edifícios, deixando restos no local. A ação acontece em frente ao Abrigo Santo Antônio, onde moram dezenas de idosos.

Ainda segundo a moradora, pela manhã os carros que passam no local acabam espalhando a lama deixada após a compactação do lixo, que entra nas garagens dos edifícios. Isso começou na segunda passada e está acontecendo todos os dias. O mau cheiro é insuportável, denuncia.

A assessoria de Comunicação da Prefeitura informou que a Secretaria de Serviços Públicos orientou os funcionários da empresa Locar, responsável pela coleta, para que a compactação do lixo não seja mais realizada no local.

Fonte/Foto: Folhape

ago
21

Quando passará o caminhão da coleta de lixo na Ilha de Santana?

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

Apesar de a Prefeitura de Olinda informar que a limpeza urbana e a coleta de lixo estão regularizadas, na periferia da cidade os moradores contestam. A informação que se tem é de muita sujeira nas ruas e coleta de lixo irregular.

Um dos locais que sofre com a falta de coleta é a Ilha de Santana, no bairro de Jardim Atlântico. Nesta terça-feira(21), a esquina da Rua Osias Cabral de Oliveira com a Rua das Orquídeas, estava tomada pelo lixo.

A situação é semelhante em muitas outras ruas da comunidade.

Foto: Facebook

maio
30

Olinda faz, hoje, coleta de lixo nas vias secundárias da cidade

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags ,

Os serviços de limpeza urbana e recolhimento do lixo doméstico, em Olinda, continua funcionando em regime de escala especial desde o final da semana passada, por conta do desabastecimento de combustível causado pela paralisação nacional dos caminhoneiros.

Nesta quarta-feira (30), a Secretaria de Serviços Públicos irá se concentrar na limpeza das vias secundárias da cidade, para recolhimento do lixo doméstico. A Prefeitura não informou quais são essas vias e os bairros.

Ontem (29), o trabalho de coleta de lixo foi realizado no Sítio Histórico, na orla e nos principais corredores viários da cidade.

maio
26

Olinda: amanhã só haverá coleta de lixo no Sítio Histórico e nas praias

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

Diante da escassez de combustíveis, em virtude da paralisação dos caminhoneiros, a Prefeitura de Olinda organizou um calendário alternativo para a coleta de lixo na cidade. Neste sábado (26), a coleta será normal em toda a cidade, mas amanhã (27) o recolhimento do lixo só acontecerá no Sítio Histórico, nas praias e grandes corredores.

De acordo com a Secretaria de Serviços Públicos, a periferia de Olinda não contará com serviço de coleta de lixo neste domingo (27). Somente na segunda-feira (28), as vias secundárias (de todos os bairros) serão limpas.

A Prefeitura informa que o trabalho só será retomado integralmente com o fim do movimento grevista e pede a compreensão da população só colocar o lixo ensacado em frente às suas residências uma hora antes da passagem do caminhão da coleta.

maio
9

Canais de Olinda passam por limpeza

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

Uma força-tarefa da Secretaria de Serviços Públicos de Olinda está empenhada na limpeza dos canais da cidade. Ontem (08), os trabalhos foram realizados nos canais Lava Tripas, que corta a Avenida Presidente Kennedy; do Colibri, em Rio Doce; e o do Córrego do Abacaxi.

O Canal do Fragoso, pela sua importância, já está há um mês passando por uma intervenção de limpeza e retirada das baronesas. 

O pedido que se faz aos olindenses é que não sujem os canais. É comum encontrar, por exemplo, carcaças de eletrodomésticos, sofás e outros objetos que precisam ter a destinação correta para que os que moram na cidade não sejam prejudicados.

Com uma cooperativa de catadores, os moradores podem solicitar o recolhimento de carcaças em casa. Basta ligar para o telefone 81. 3432.4751. 

Olinda conta com 27 canais, sendo 15 considerados prioritários. Só nesse início de semana foram 25 funcionários dedicados exclusivamente para a limpeza do Lava Tripas, do Colibri, do  Córrego do Abacaxi e do Fragoso. Ainda com o uso de caminhões e retroescavadeiras otimizam a operação principalmente com o desassoreamento. Durante a semana os trabalhos seguem nestes locais e em outros canais. 

Já foram limpos os canais das avenidas México e Tiradentes, em Rio Doce; e do Matadouro, em Jardim Fragoso. Parte do Canal da Malária também já foi contemplado. O trecho atendido fica na comunidade do V-8, no Varadouro. 

 
mar
15

Prefeitura atende apelo de moradores e realiza mutirão de limpeza de praça e ruas de Salgadinho e Sítio Novo

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , , ,

Esdras Oliveira – Radialista

Conforme já havia anunciado ao Blog Olinda Hoje, a Prefeitura de Olinda, na manhã desta quinta-feira (15), encaminhou uma equipe de trabalhadores para realizar um mutirão de limpeza da Praça Professor Enéas Galeno e ruas do entorno, no bairro de Salgadinho.

As matérias mostrando a situação de abandono em que se encontrava a praça e do lixo que toma conta das ruas no entorno, assinadas por Esdras Oliveira, foram veiculadas ontem (14) e na terça-feira (13), no Blog Olinda Hoje.

Na ação desta quinta-feira (15), o secretário executivo de Serviços Públicos de Olinda, Marconi Madruga, veio pessoalmente acompanhar a execução dos trabalhos de limpeza.

Em conversa com moradores, Madruga informou que já está na programação da Secretaria a realização de outros mutirões neste bairro. Ele só sobre precisar a data.

Fotos: confira na fanpage.

mar
14

Praça em Salgadinho está abandonada

Esdras Oliveira – Radialista

A área de 1.083,17 metros quadrados da Praça Professor Enéas Galeno, localizada na Rua Coronel Antônio Carlos Ferreira, no bairro de Salgadinho é sinônimo do abandono há muito tempo.

O mato e o lixo tomaram conta do local, que no passado foi ponto de encontro da vizinhança e espaço para as brincadeiras da garotada.

A praça foi revitalizada em 2010, na gestão do ex-prefeito Renildo Calheiros (PCdoB), e de lá para cá, segundo os moradores, nunca recebeu serviços de manutenção. Nem na gestão do PCdoB, nem agora, com o prefeito Professor Lupércio.

A praça está sem condições de ocupação. Não tem iluminação; os equipamentos de ginástica e brinquedos para as crianças foram destruídos; os bancos e mesas para jogos estão quebrados; e a calçada para passeio foi engolida pelo mato. 

A Prefeitura de Olinda, apesar dos apelos e das denúncias dos moradores, não faz a limpeza e nem manutenção da área. Mas a comunidade tem esperança de que alguma coisa ainda possa ser feita pela gestão municipal.

mar
13

Lixo toma conta de rua no bairro de Sítio Novo

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , , ,

Esdras Oliveira – Radialista

Puro descaso, abandono e desrespeito por parte da Prefeitura de Olinda com relação à coleta de lixo na periferia da cidade. Um exemplo da sujeira que se acumula é o da Rua Coronel Antônio Carlos Ferreira, na divisa entre os bairros de Salgadinho e Sítio Novo.

O lixo já está tomando conta de quase toda a rua, localizada nas proximidades da Praça Professor Enéas Galeno. As reclamações são muitas e os pedidos de limpeza não são atendidos pela gestão do prefeito Professor Lupércio. Até agora, nenhuma providência foi adotada pela Prefeitura.

A Praça Professor Enéas Galeno também sofre com o abandono. Os brinquedos quebrados, pichação, mato muito alto, falta de energia , e muita metralha descartada irregularmente.

Omissão – Os moradores dos bairros de Salgadinho e Sítio Novo elegeram, em 2016, um vereador que prometia ser o interlocutor da população junto à Prefeitura. Prometia lutar para resolver parte dos problemas desses bairros. Prometia ser atuante.

Mas o que vimos até o momento é uma atuação acanhada. O vereador João Pé no Chão, que agora calça sandálias de couro, pouco se importa com as carências das comunidades que diz representar. 

Diariamente o vereador passa na Rua Coronel Antônio Carlos Ferreira, mas faz vista grossa ao problema do lixo.

Atenção prefeito Professor Lupércio, lembre-se que os eleitores desses dois bairros colaboraram para a sua eleição. Eles também merecem a atenção da sua gestão.

jan
10

Mutirão emergencial recolhe mais de 3 toneladas de lixo em Olinda

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , , ,

O fim do contrato com a Consórcio Trópicos Cael, que realizou a coleta de lixo em Olinda durante seis anos, e o início do contrato emergencial com empresa Locar Gestão de Resíduos, gerou um enorme acumulo de lixo na cidade. A paralisação do serviço durou cerca de quinze dias, o suficiente para produzir transtornos e reclamações.

Com a situação definida e a Locar iniciando os trabalhos, a prefeitura correu atrás para amenizar a situação da população e realizou um mutirão emergencial, recolhendo lixos e entulhos em várias localidades do município. Em uma semana de trabalho, a Secretária de Serviços Públicos contabilizou a coleta de 3.791 toneladas de lixo domiciliar.

A previsão dada pela nova prestadora de serviço da gestão municipal é de que até o fim desta semana os pontos críticos gerados pela demanda reprimida sejam eliminados e o calendário de coleta volte ao normal.

Segundo a prefeitura, outro serviço que está voltando ao normal é a varrição dos principais corredores viários da cidade. Até esta quarta-feira (10) a orla, no trecho entre o antigo quartel da Polícia do Exército e o Flat Quatro Rodas, será reforçado, assim como no Alto da Sé.

dez
29

Muito lixo em rua do Guadalupe

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

Desde outubro passado, os moradores da Rua Severino José Ramalho, no bairro do Guadalupe, pedem à Secretaria de Serviços Público de Olinda a capinação e limpeza da via. Foram quase dez solicitações e nenhum atendimento.

De lá para cá, o mato só cresceu e o volume de lixo só aumenta. De acordo com os moradores, os garis da limpeza urbana parecem que não conhecem a rua. Nunca passam por lá!

dez
29

Locar assume a coleta do lixo de Olinda a partir deste sábado

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

Olinda termina o ano de 2017 com nova empresa de coleta do lixo da cidade. Sai a Cael, entra a Locar – a mesma que atende o município de Paulista. A partir deste sábado, dia 30 de dezembro, a limpeza urbana passa à responsabilidade da Locar, que tem uma frota maior de veículos.

A informação é de que a Cael está saindo por conta do final do contrato, que não pode mais ser prorrogado. A contratação da Locar, por um período de aproximadamente 90 dias, é em caráter emergencial, enquanto se prepara o processo de licitação.

Mas também se diz nos bastidores que a atual gestão municipal estava mesmo querendo se ver livre da Cael, que está com a frota sucateada e vinha prestando um serviço aquém das expectativa e das necessidades da cidade.

dez
29

Rua no Sítio Histórico de Olinda é transformada em lixão

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , , ,

Genival Hermínio Silva

De repente, os caminhões compactadores que fazem a coleta de lixo em Olinda sumiram das ruas da Cidade Alta:  Amparo, Guadalupe, Bonsucesso e Quatro Cantos.

Rapidamente, surgiram os pequenos lixões no Sítio Histórico, a exemplo do que tomou conta da Rua Waldemar Pimentel (foto), no Guadalupe.

A culpa é da Prefeitura de Olinda, porque não faz a coleta regularmente, mas também, porque não fiscaliza e não pune quem joga o lixo nas ruas.

Muito se critica um prefeito (pela falta de coleta de lixo), mas a grande parte da população é responsável pelos males que ela própria cria.

Transformar a entrada da Rua Waldemar Pimentel em um lixão é deplorável e a culpa é dos próprios moradores, que são maus exemplos de cidadania.

Cabe ao poder público puni-los. Há lei municipal para isso. Prefeito, faça a sua parte: puna!

dez
29

Lixo toma conta das ruas de Olinda

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags ,

Jota Neto

A periferia de Olinda está suja e fedorenta. São muitos os registros de lixo amontoados nas ruas, nas esquinas e nos coletores.

Os caminhões de coleta sumiram faz tempo; os garis desapareceram das ruas faz quase duas semana e está parecendo final de governo.

Por mais que a população reclame, a Prefeitura da cidade não repassa nenhuma informação. O prefeito Professor Lupércio, que é bom de marketing, desapareceu e foge das ruas para não ser fotografado próximo aos amontoados de lixo.

Os vereadores estão calados. Não fizeram um comentário sequer a respeito da sujeira na cidade; nenhum pedido de explicação e os líder e vice-líder do governo, mudos.

Sem maiores detalhes, a Assessoria de Comunicação da Prefeitura informou ao Jornal Sem Censura que a coleta do lixo voltará ao normal neste sábado (30).

Foto: JSC

 
dez
1

Lixo toma conta de Águas Compridas

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

Águas Compridas-Lixo

Edvan Ratis

Os moradores da Rua Severina Acácia, no bairro de Águas Compridas, em Olinda, reclamam do acúmulo de lixo e entulhos na entrada da via. A situação gerando inúmeros transtornos para quem reside nas  proximidades desse lixão a céu aberto. À noite, os ratos e gabirus fazem a festa na rua e os insetos nocivos proliferam e invadem as casas próximas, causando danos à saúde de crianças e idosos.

Sempre é solicitado à Prefeitura de Olinda que seja acionado o órgão competente para a retirada do lixo e limpeza do local, mas nem sempre a comunidade é atendida. Às vezes são feitos paliativos, como está acontecendo agora: o Lixo em Águas Compridascaminhão e a equipe de garis chegam e retiram um pouquinho do lixo e deixam o restante para depois. E, como se  sabe, raramente voltam para concluir o serviço.

Uma das reivindicações dos moradores é utilizar o local (do lixão) para a implantação de área de lazer ou de convivência social, em parceria com a Prefeitura de Olinda. Esse desejo já foi, tempo atrás, formalizado através de ofício e requerimento à PMO.

A comunidade acredita que esta será a única solução para erradicar o acúmulo de lixo e entulhos no local. A Prefeitura não se posicionou a respeito do assunto.

Fotos: Edvan Ratis

 
ago
8

Abandono, sujeira e desorganização no Terminal de Passageiros da PE-15

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

O Terminal Integrado da PE-15, em Olinda, vem sendo alvo de reclamação de passageiros. Quem passa pela PE-15 no sentido da cidade de Paulista, vê na calçada metralha e pedaços de estruturas de concreto, além do mato alto e muita pichação. No lado que fica no sentido Recife, a sujeira que se acumula transforma a área num pequeno lixão. A cada dia, cerca de 39 mil pessoas passam pelo terminal.

Lixo e entulhos também se acumulam dentro do terminal, perto de onde ficam estacionados ônibus e carros de funcionários. Um problema que se repete na área onde passageiros desembarcam. Já no local onde circulam os passageiros, há copos descartáveis, sacos de pipoca, latas de refrigerante, garrafas.

Funcionários trabalham na limpeza, mas em pouco tempo, mais sujeira é jogada no chão. Nos banheiros, os vasos sanitários estão entupidos e não há água nas descargas e nem nas pias. O mau cheiro vindo dos banheiros também gera reclamações nos passageiros, que preferem evitar chegar perto do local. Há ainda aqueles que reclamem de segurança.

Defesa – Sobre a sujeira e destruição no terminal, o Grande Recife Consórcio de Transporte informou que, nos meses de março e abril deste ano, foram investidos mais de R$ 24 mil em obras de recuperação. Foram substituídos assentos sanitários, torneiras, luminárias e piso, além de realizadas a pintura em todo o terminal; recuperação dos cobogós de cimento e capinação. No mês de junho foi realizada uma intervenção na rede de esgoto.

O consórcio disse que o problema são os frequentes atos de vandalismo, principalmente em dias de jogos: 18 dos 28 vasos sanitários tiveram que ser trocados nos últimos cinco meses porque foram quebrados. Ainda de acordo com o Grande Recife, dez profissionais de serviços gerais trabalham no terminal das 6h às 22h. O terminal também conta com aproximadamente 20 lixeiras. 

Carnaval 2019

Está chegando o Sábado de Carnaval2 de março de 2019
74 dias restantes.

Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Favoritos

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog:

Olinda Hoje

%d blogueiros gostam disto: