Navegando todos os artigos com a tag Prisões
dez
4

Preso suspeito de comandar tráfico de drogas em Olinda e Recife

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Policial     Tags , , ,

Suspeito de comandar o tráfico de drogas e cometer pelo menos oito homicídios em Olinda e no Recife, Carlos Nunes da Silva Filho, conhecido como Júnior de Uai, 29 anos, foi preso pela Polícia Civil no bairro de Candeias, em Jaboatão dos Guararapes, na noite da última quinta-feira (29). O homem contabilizava o tráfico de drogas em seis cadernos que continham informações sobre as negociações ilícitas em comunidades como a Ilha do Maruim e o bairro do Monte, em Olinda; Ilhas do Joaneiro e do Chié, no Recife.

Além dos cadernos foram apreendidos com Júnior de Uai uma pistola 9mm carregada e R$ 2 mil em espécie. De acordo com o gestor da Divisão de Homicídios Norte, delegado João Leonardo Cavalcanti, o homem é suspeito de comandar a quadrilha Demônios da Ilha (D.I), que passou a chefiar o tráfico em Olinda e no Recife após a prisão de membros da organização criminosa comandada por Júnior Box.

O homem preso não apenas exercia a função de comandante do tráfico. “Ele fazia de tudo. Em alguns casos, ordenava que um adolescente executasse o crime e em outros ele mesmo matava, além de cobrar dívidas”, explicou o delegado. Entre os crimes dos quais ele é acusado está um triplo homicídio cometido no bairro de Santo Amaro, na área central do Recife.

Já em Candeias, onde morava, o suspeito não realizava tráfico de drogas, mas o local servia como uma espécie de escritório para contabilidade das negociações. “Foram cerca de seis meses de investigações. É uma prisão muito importante e que com certeza vai refletir bastante na redução dos homicídios, principalmente em Olinda e na área central do Recife”, disse o delegado.

Fonte: OP9

out
4

Eleições 2018: desde a última terça-feira, eleitores não podem ser presos

De acordo com o calendário eleitoral, previsto no Código Eleitoral Brasileiro, desde a última terça-feira, dia 02 de outubro, o eleitor não pode ser preso. Segundo o especialista em Direito e Processo Penal, Yuri Sahione, a origem dessa norma data da década de 1960, época em que o Estado podia interferir em um processo eleitoral através de prisões arbitrárias.

“Temos de considerar que nosso código eleitoral é de 1965 e por esse motivo havia uma certa estabilidade jurídica com relação aos poderes que o Estado poderia dispor para tentar manipular uma eleição”, explica.

Deste o dia 22 de setembro, os candidatos às eleições de 2018 também não podem ser alvos de mandados de prisão, a não ser em flagrante delito. O impedimento está garantido no Código Eleitoral Brasileiro, que veda prisões nos 15 dias antes do pleito. Eles só poderão ser presos em outras circunstâncias, 48 horas após as eleições.

Yuri Sahione pondera que apesar das prisões serem proibidas, o índice do número de crimes não aumenta durante esse período. “Estaticamente a gente nunca percebeu um aumento de criminalidade durante o período eleitoral, até porque justamente considerando a necessidade de reprimir crimes eleitorais, usualmente as Forças Armadas e a Polícia Federal aumentam o patrulhamento para coibir a prática de crimes”, afirma.

Desde o último dia 02 de outubro, só poderão ser presos eleitores que forem pegos em casos de flagrante delito ou de sentença criminal condenatória por crime inafiançável por desrespeito a salvo-conduto. “Você pode ser preso e começar a cumprir pena com relação aos seguintes crimes: racismo, tortura, terrorismo, tráfico de drogas, ação de grupos armados ou crimes hediondos”, enumera Yuri Sahione. A regra vale até 48 horas após o pleito.

Na semana passada, a maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) declarou constitucional o cancelamento de 3,3 milhões de títulos de eleitores porque não compareceram aos cartórios eleitorais nos municípios em que houve o recadastramento para identificação biométrica.

Segundo Yuri Sahione, pessoas que se encontram nessa situação não se enquadram na norma do código eleitoral e podem ser presas. “Pessoas que não se configuram como ‘eleitor’ não estão protegidas pela norma”.

jun
7

Polícia prende homem que arrastou mulher em assalto em Jardim Paulista

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Policial     Tags , ,

No mês de abril, circulou nas redes sociais imagens de uma câmera de segurança que mostra uma mulher que caminhava tranquilamente no bairro de Jardim Paulista Baixo, em Paulista, sendo abordada por dois assaltantes e arrastada no meio da rua. Ontem (06), a polícia prendeu um dos criminosos. 

Os homens tentaram roubar o celular da vítima. Segundo o delegado Diego Pinheiro, José Ricardo, de 18 anos, foi interrogado sobre a tentativa de roubo.

No momento do depoimento, José Ricardo fugiu da Delegacia de Paulista. Os policiais conseguiram capturar o rapaz, que ainda chegou a agredir um dos agentes. José Ricardo foi autuado em flagrante por lesão corporal e resistência da prisão. 

O investigador informou que, ao voltar para a delegacia, José Ricardo confessou que a ação foi executa com um comparsa e que tentou roubar a vítima. Na tarde desta sexta (08) o suspeito passará pela audiência de custódia. O segundo suspeito, que chegou a usar um facão para assaltar a vítima, foi agredido por populares no dia do roubo. De acordo com o delegado, os familiares do suspeito afirmaram que o jovem não voltou mais para casa desde o dia do crime

Foto: Divulgação PCPE

dez
9

População carcerária do Brasil é a terceira maior do mundo

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Brasil     Tags ,

encarcerados

O Brasil ultrapassou a Rússia em 2015 e agora abriga a terceira maior população prisional do mundo. Os dados foram divulgados ontem (08) pelo Ministério da Justiça. Eram 699 mil brasileiros presos em 2015, contra 642 mil russos. O Brasil só perde para os Estados Unidos (2,1 milhões) e a China (1,6 milhão).

A terceira maior taxa de encarceramento por 100 mil habitantes (342), também é do Brasil, desde 2000, quando o país ultrapassou os chineses (119). O índice é mais baixo apenas que o dos americanos (698) e da Rússia (445). Mas é o único que está em crescimento contínuo desde 1995.

Os dados são do Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias (Infopen), que é feito pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen) desde 2004. A coleta é realizada por meio de um formulário digital, preenchido pelos gestores de todos os estabelecimentos prisionais dos Estados brasileiros.

O censo de dezembro de 2014 era o mais atual até esta sexta-feira (08), quando o órgão lançou as informações de dezembro de 2015 e junho de 2016, colhidas de maneira simultânea no ano passado.

Foto: GGN

 

dez
9

Presos são quase o dobro da capacidade dos presídios

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Brasil     Tags ,

O levantamento mais recente feito pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen) indica que o número de vagas no sistema prisional brasileiro diminuiu, indo na contramão da população carcerária, que só cresce. Foram registradas 3.152 vagas a menos (queda de 0,8%) e 28.094 presos a mais (alta de 4%) no primeiro semestre de 2016, com relação ao fim de 2015.

Com isso, a taxa de ocupação nas prisões saltou de 188% para 197% no período, ou seja, há dois presos para cada vaga em presídios no Brasil. Na prática, nove em cada dez detentos vivem em unidades superlotadas.

Para Rafael Custódio, da ONG Conectas Direitos Humanos, os novos números apresentados pelo Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias (Infopen) não são surpresa. “O resultado é reflexo de uma opção política. O Brasil continua insistindo no erro do encarceramento em massa de pobres, negros e jovens.” 

Em janeiro, conflitos entre facções criminosas dentro de presídios deixaram mais de 120 detentos mortos nos  presídios do Amazonas, Roraima e Rio Grande do Norte. Os três registraram taxas de superlotação acima da média nacional em 2016. O Amazonas é, disparado, o pior do país, com 484%.

dez
9

Negros são maioria nos presídios

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Brasil     Tags ,

presos negrosA maioria dos detentos brasileiros é formada por negros, homens, com idades entre 18 a 29 anos, ensino fundamental incompleto e foram preso por crimes ligados ao tráfico de drogas ou roubos e furtos.

Esse perfil dos detentos foi traçado a partir dos dados constantes no Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias (Infopen), que é elaborado desde 2004, pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen).

Já a porcentagem de presos sem condenação aumentou. Passou de 37,5%, em dezembro de 2015, para 40,2% em junho de 2016. Os piores Estados são Ceará (66%) e Sergipe (65%). Os melhores são Amapá (23%) e Rondônia (17%). São Paulo está abaixo da média nacional, com 32%.

Apesar de o relatório do Infopen ser público, os dados em formato aberto – que permitiriam análises mais completas das informações – não serão divulgados, segundo a assessoria de imprensa do Ministério da Justiça.

Foto: RBA

 

abr
7

Polícia evita resgate de suspeito de homicídios no Fórum de Olinda

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Olinda     Tags , , ,

A Polícia Militar de Pernambuco (PMPE) informou, na manhã da quinta-feira (6), que prendeu um grupo no Fórum de Olinda, e evitou o resgate de um suspeito de homicídio que prestava depoimento à Justiça. A PMPE também disse que os três detidos forumfazem parte de uma quadrilha que pretendia executar testemunhas que participavam da mesma audiência, realizada na quarta-feira (05). 

De acordo com a PMPE, policiais de um grupamento especializado foram acionados para fazer uma abordagem no Fórum, localizado na rodovia PE-15, uma das mais importantes da cidade.

Na tarde da quarta-feira, dois suspeitos estavam na frente do prédio e portavam um revólver calibre 38 e uma motocicleta roubada. O veículo pertence a um sargento da corporação e foi levado horas antes na Zona Norte do Recife.

“Uma das testemunhas, que participava da audiência, percebeu a movimentação estranha. Ela alertou os policiais do Fórum para a atitude suspeita de dois homens que estavam na frente do prédio, em uma moto”, informou o subcomandante do 1º Batalhão da PMPE, Daniel Pereira.

O oficial disse que o grupo, formado por um homem, um adolescente e uma mulher, pretendia resgatar o jovem, de 17 anos, apontado como chefe de uma quadrilha responsável por crimes em Olinda.

“Esse rapaz é muito perigoso. Ele está recolhido em uma unidade da Zona da Mata Norte. Tem relação com pelo menos 15 assassinatos, principalmente, na área de Peixinhos”, observou o major Daniel Pereira.

Após as prisões, os integrantes do grupo informaram à PMPE que estavam com um carro na área do Fórum para poder fugir com o suspeito. Dentro do prédio, a mulher orientava os rapazes que estavam na moto. Eles tinham seis balas e disseram que matariam as testemunhas na frente do edifício.

“A audácia desse grupo não tem limites. Eles estavam apenas esperando as testemunhas terminarem a participação na audiência para cometer os crimes. Disseram que sabiam da precariedade da escolta montada para acompanhar o adolescente na audiência. O menor foi prestar depoimento, mas o pessoal que estava com ele não portava armas”, comentou o subcomandante.

Fonte: Portal G1

nov
20

OPERAÇÃO ESFORÇO GERAL: 82 PRISÕES EM APENAS 48 HORAS

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Policial     Tags

A Operação Esforço Geral da Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) prendeu 82 suspeitos de cometerem diversos tipos de crimes, como homicídios, roubos e tráfico de drogas. A sexta edição da ação policial ocorreu durante 48 horas, da última terça-feira (17) até a quarta-feira (18), e envolveu 427 policiais civis no total, sendo 84 delegados e 343 agentes e escrivães.

Foram cumpridos mandados de prisão, bem como de apreensões em flagrante segundo a Polícia Civil. Na próxima segunda-feira (23), a Secretaria de Defesa Social (SDS) vai apresentar mais detalhes sobre a operação.

ago
15

POLÍCIA PRENDE TRAFICANTES DO BAIRRO DE PEIXINHOS

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda, Policial     Tags , , ,

Policiais civis da 9ª Delegacia de Polícia de Homicídios prenderam nessa sexta-feira (14), em cumprimento de mandado de prisão e busca e apreensão, o traficante Thiago Fernando de Carvalho, vulgo “Doidinho”, de 24 anos, e apreenderam um adolescente de 17 anos, acusados de fazerem parte de um grupo armado de traficantes da comunidade do Embalo, no bairro de Peixinhos, em Olinda-PE.

A prisão foi efetivada com apoio dos policiais civis do CORE e da Divisão de Homicídios Metropolitana Norte e se deu após as investigações onde os policiais concluíram que os dois suspeitos mantinham forte rivalidade com traficantes da comunidade do Condor, também no bairro de Peixinhos. Conforme o delegado Gilberto Loyo, a dupla invadiu a localidade, com a finalidade de matar rivais na guerra do tráfico, tendo na ocasião assassinado a tiros Flávio da Silva Falcão, vulgo “Flávio Bebê”, em novembro de 2014.

Após as ouvidas, Thiago Fernando de Carvalho, vulgo “Doidinho”, foi recolhido ao Centro de Observação Criminológica e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), e o adolescente foi encaminhado para a Unidade de Internamento de Infrator, onde ficará à disposição da Justiça Pública.

Fonte: Folhape

Carnaval 2019

Está chegando o Sábado de Carnaval2 de março de 2019
76 dias restantes.

Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Favoritos

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog:

Olinda Hoje

%d blogueiros gostam disto: