Navegando todos os artigos com a tag Saúde
jan
15

Falta Sinvastatina há cinco meses nas unidades de saúde de Olinda

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

 
Os pacientes esperam de cinco a oito meses a marcação de uma consulta com o cardiologista ou clínico. Após o atendimento, o profissional de saúde lhe entrega uma receita com indicação de ‘uso contínuo’ do medicamento “Sinvastatina 40mg”, que custa em média de R$ 68,81 (Merck) a R$ 95,61 (Germed), caixa com 30 comprimidos.

O medicamento é utilizado para a redução dos níveis do colesterol LDL e dos triglicerídeos, e o aumento do colesterol HDL no sangue. O Sinvastatina deve ser disponibilizado gratuitamente pela rede de saúde do município, mas em Olinda o medicamento está em falta nas policlínicas e UFS desde o mês de agosto do ano passado.

Os olindenses que não têm condições financeiras para comprar o medicamente estão recorrendo às orações, promessas e aos pedidos de milagres para a Secretaria de Saúde do município volte a adquirir e disponibilizar o medicamento o mais rápido possível.

“Já fui às policlínicas de Peixinhos, do Carmo e Rio Doce; às USF de Fragoso, Aguazinha e Varadouro. Mas em nenhuma tem o medicamento e a informação é que não há previsão de chegada”, diz Anete Dias, que desde o início de setembro faz peregrinação semanal às unidades de saúde de Olinda em busca do Sinvastatina.

Certamente, o prefeito Professor Lupércio já tem conhecimento da falta do Sinvastatina e de outros medicamentos básicos na rede de saúde do município, mas não toma as providências necessárias. “Não adianta reformar posto de saúde, se neles faltam médicos e medicamentos e a gente espera mais de um ano para receber uma autorização para exames“, queixa-se Anete.

Leia também: Olindenses esperam dois anos por autorização para realizar exames

jan
14

Amanhã tem atendimento médico em terreiro na Cidade Tabajara

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

Nesta terça-feira (15), das 9h ao meio-dia, acontecerá a 6ª edição do programa Saúde nos Terreiros, desenvolvido e a primeira de 2019 realizada pela gestão municipal de Olinda. O trabalho será realizado no Terreiro de Pai Iguara de Oxum – Ilê Ogulan Olabo Maxo, na Rua Felipe Malaquias da Costa nº 11, na Cidade Tabajara. 

Os frequentadores do terreiro terão atendimento médico, avaliação nutricional, emissão do cartão do SUS, mamografia, assessoria jurídica e emissão da Carteira de Livre Acesso, além de orientações sobre DST/Aids e outros serviços.

O trabalho é resultado de uma parceria entre as secretarias de Saúde e de Desenvolvimento Social, Cidadania e Direitos Humanos de Olinda e visa levar atendimento médico e ações de cidadania aos povos de matriz africana.

jan
13

Amanhã, no Varadouro, tem exames preventivos do câncer de mama

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

Neste mês de janeiro o mamamóvel mantém o ritmo realizando exames preventivos de mamografia nas mulheres olindenses em diversos bairros. O serviço é gratuito e coordenado pela Secretaria de Saúde do município. Serão disponibilizadas 80 fichas diárias (40 no turno da manhã e 40 à tarde). O atendimento acontece das 8h às 17h.

Além do caminhão do mamamóvel, as mulheres podem procurar a Policlínica da Mulher Sony Santos, na Avenida Presidente Kennedy, 3.433, em Peixinhos; e a Policlínica da Mulher de Olinda, na Avenida Joaquim Nabuco nº 650, no Varadouro. O exame tem o objetivo de prevenir o câncer de mama.

Para ser atendida, pacientes na faixa etária de 50 a 69 anos, só precisam levar o cartão do SUS, documento de identidade e pegar a ficha que será distribuída por ordem de chegada. Mulheres fora dessa faixa que tenham histórico familiar ou parentes de 1º grau (mãe, irmã e avó) devem realizar os exames 10 anos após o ano do diagnóstico do câncer no parente.

O próximo local a receber o mamamóvel é a Policlínica da Mulher de Olinda (Avenida Joaquim Nabuco nº 650 – Varadouro), nesta segunda-feira (14). Confira a programação na tabela acima.

jan
9

Amanhã tem exames de vista gratuitos em Ouro Preto

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , , ,

Nesta quinta-feira (10), o Projeto Nova Visão estará oferecendo exames oftalmológicos gratuitos e prescrição de óculos, no bairro de Ouro Preto, em Olinda.

O atendimento será da 9h às 18h, na Igreja Pentecostal Assembleia de Deus (Avenida Senador Nilo Coelho – Segunda Perimetral nº 121), próximo à Pizzaria Stop.

Mais informações podem ser obtidas pelos telefones: 81. 9.8489.7404 (Oi), 9.9773.1137 (Tim) ou 9.9112.3361 (Claro).

jan
9

Carnaval de Olinda sem “Axé de Fala”

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Carnaval     Tags , , ,

O Carnaval nas ruas e ladeiras de Olinda terá frevo, muita animação e dezenas de troças nas ruas. Mas vai faltar o “Axé de Fala”, bebida alcoólica artesanal vendida há cerca de 20 anos na Casa do Axé, na Rua do Amparo. Desde novembro do ano passado, a fabricação e comercialização da tradicional ‘cachaça’ está proibida por falta de registro no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). 

Em 2016, o fabricante do “Axé de Fala” foi denunciado por conta da fabricação clandestina e falta de registro da bebida no Ministério. “Nos regularizamos na Vigilância Sanitária e agora o Mapa pediu para que colocássemos no nosso CNPJ que somos fabricantes de bebidas alcoólicas”, explica o gerente de Relacionamento da Casa do Axé, Jipson Pitta.

A microempresa ainda enfrenta outro problema para a regularização, baseado na Legislação Urbanística dos Sítios Históricos de Olinda (lei 4.849/92), que proíbe as atividades de fabricação na área do Sítio Histórico.

De acordo com o secretário de Patrimônio, Cultura, Turismo e Desenvolvimento Econômico de Olinda, João Luiz da Silva Júnior, a própria lei municipal 4.849/92 trava a concessão do registro da microempresa. Ele diz, ainda, que não existe na Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE) nada relativo a bebidas artesanais.

A CNAE é o instrumento de padronização nacional dos códigos de atividade econômica e dos critérios de enquadramento utilizados pelos diversos órgãos da administração tributária do Brasil. É aplicada a todos os agentes econômicos que produzem bens e serviços.

Com informações da Folhape

jan
8

Olindenses esperam dois anos por autorização para realizar exames

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags ,

Centenas de olindenses aguardam, há mais de um ano (e sem previsão), a marcação/autorização para a realização de exames médicos.

Tem gente aguardando autorização para a realização de um ecocardiograma desde junho de 2017; endoscopia digestiva desde agosto de 2017; e uma simples ultrassonografia de próstata, desde o início de janeiro de 2018.

Maryllane Morena afirma que aguarda há exatos três anos pela autorização para uma ultrassonografia. Há pacientes aguardando desde maio do ano passado (2018), a marcação de consultas para cardiologista e urologista. 

A fila de espera para encaminhamentos para oftalmologista e dentista também pode demorar até um ano. As filas nas policlínicas e unidades de saúde da família são quilométricas e os pacientes ainda convivem com a falta de medicamentos.

Pelo visto essas marcações só serão liberadas a partir de março de 2020, quando começa o período eleitoral e o prefeito Lupércio usará a oferta desses como moeda de troça para a sua reeleição.

 
jan
7

UPAs da Cidade Tabajara e Igarassu comemoram nove anos; a de Rio Doce está abandonada

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , , ,

Manoel Larré – Jornalista

O ano de 2019 iniciou com duas comemorações no setor de saúde. As Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) Gregório Lourenço Bezerra, em Olinda; e Honorata de Queiroz Galvão, em Igarassu, completam nove anos de funcionamento, com mais de 2,2 milhões de atendimentos no período.

Inaugurada em 04 de janeiro de 2010, a UPA de Olinda (foto), localizada na rodovia PE-15, na Cidade Tabajara, realizou mais de 1,2 milhão de atendimentos médicos e odontológicos nesses nove anos. Somente de janeiro a novembro de 2018 foram contabilizados 132.309 atendimentos médicos e 8.392 de odontologia.

A UPA de Igarassu, que fica no bairro de Cruz de Rebouças, foi entregue à população em 11 de janeiro de 2010. De lá para cá, mais de um milhão de atendimentos médicos foram realizados; 93.400 somente de janeiro a novembro de 2018. As duas unidades comemoraram as datas: os funcionários e colaboradores da unidade da Cidade Tabajara cortaram o tradicional bolo de aniversário na última sexta-feira (04). Em Igarassu, a festa será na próxima sexta-feira, dia 11 de janeiro.

UPA de Rio Doce – O que a “imprensa chapa branca” do Governo do Estado não fala – e esconde da população olindense – é o descaso, total desdém com a UPA de Rio Doce. A maioria do bairro mais populoso de Olinda sofre com a falta de assistência médica e odontológica.

A Unidade de Pronto Atendimento teve um primeiro Decreto Municipal nº 344/2011, em 14 de dezembro de 2011, sancionado pelo ex-prefeito Renildo Calheiros (PCdoB). Três meses depois publicou o mesmo no Jornal da Amupe e, logo após, o falecido governador Eduardo Campos sancionou o Decreto nº 38.151/2012, em 04 de maio de 2012 com Ordem de Serviço (verba carimbada) no valor de R$ 1.818,587,00. As obras só foram iniciadas em 23 de janeiro de 2015, depois da denúncia formulada ao Ministério Público Federal (MPF), ao Ministério da Saúde e outros órgãos da esfera federal. A promessa de entrega à população era em 10 meses.

O povo quer saber onde o ex-gestor enfiou quase R$ 2 milhões durante 2,7 anos. Com certeza, nas aplicações do mercado financeiro rendeu uma boa grana. O atual prefeito de Olinda, Professor Lupércio, já entra 2019 no terceiro ano da sua má gestão e a UPA de Rio Doce continua abandonada, sem manutenção, sem a instalação de aparelhos médicos e pessoal para atendimento ao público. Hoje o espaço serve de ponto de tráfico, de prostituição e reduto de meliantes. Isso é uma vergonha para a Cidade Monumento Patrimonial e para os milhares de eleitores olindenses. Com a palavra as “autoridades omissas” do nosso Estado.

jan
6

Acontece neste domingo a primeira edição de 2019 do Olinda Mais Lazer

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , , ,

O “Olinda Mais Lazer”, uma ação permanente e integrada a outras atividades, a exemplo do Olinda Mais Cidadania e Mais Saúde, volta com tudo neste domingo (06). A ação oferecerá gratuitamente iniciativas de saúde, cultura, esportes e diversão, na orla de Casa Caiada, das 6h ao meio-dia.

Modalidades como vôlei, futevôlei, futebol de praia, frescobol,  futebol de barrinha e capoeira são algumas das opções. Para quem quer apenas relaxar, as alternativas são torneio de dominó, artesanato e música ao vivo.

Para quem pretende fazer checkup de saúde, a Prefeitura de Olinda irá disponibilizar avaliação nutricional, aferição de pressão arterial e glicemia. As crianças terão vários brinquedos para aproveitar a manhã de lazer.

jan
5

Qual é a cor do mês de janeiro?

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda, Serviços     Tags , , ,

A cor do primeiro mês do ano, janeiro, é branca. Você sabe por que? 

Na década de 1990, o Ministério da Saúde adotou o que ficou conhecido como as “cores da saúde”, creditadas a alguns meses do ano para a realização de mobilizações e campanhas publicitárias com o intuito de massificar as informações sobre determinadas doenças e a necessidade da prevenção. Os mais conhecidos são o Outubro Rosa (alerta para o câncer de mama) e o Novembro Azul (combate ao câncer de próstata).

Mas este mês que inicia o ano também tem a sua cor. é branca. O mês de janeiro é utilizado para fazer campanhas de alerta sobre a saúde mental, ressaltado, principalmente, a importância de se cuidar do equilíbrio e bem-estar da mente para a qualidade e vida. O foco é envolver psicólogos na discussão de temas ligados à saúde mental e emocional, a harmonia nas relações e à psicoeducação.

A campanha do Janeiro Branco foi criada em 2014, na cidade de Uberlândia (MG), pelo psicólogo Leonardo Abrahão. O mês foi escolhido por ser um período terapêutico e por se tratar do começo do ano, quando as pessoas estão focadas nas mudanças.

A mobilização ocorre quase que exclusivamente no Brasil e algumas cidades sancionaram leis colocando o Janeiro Branco nos seus calendários oficiais, entre elas Maceió (AL), Manaus (AM) e Natal (RN). 

Mas conheça, também, as cores dos outros meses:

  • – Janeiro Branco – Alerta sobre a saúde mental.
  • – Fevereiro Roxo – Campanha de combate ao Lupus, Fibromialgia e Mal de Alzheimer.
  • – Março Azul – Foca no debate da sociedade sobre a prevenção ao câncer colorretal.
  • – Abril “Quebra-cabeça” (várias cores – Combate ao autismo). A sociedade civil também tem neste mês o “Abril Verde”, para a conscientização sobre a importância da segurança no trabalho.
  • – Maio Vermelho – Campanhas de prevenção à hepatite. Os órgãos estaduais de trânsito massificam o Maio Amarelo, provocando o debate sobre a prevenção de acidentes de trânsito. 
  • – Junho Laranja – Combate à leucemia e anemia. Também há referências ao Junho Vermelho, enfocando a importância da doação de sangue – em 14 de junho comemora-se o Dia Mundial do Doador de Sangue.
  • – Julho Amarelo – Combate ao câncer ósseo.
  • – Agosto Dourado – Mobilização da sociedade civil para o incentivo e informação sobre o aleitamento materno. De 01 a 07 comemora-se a Semana Mundial da Amamentação.
  • – Agosto Violeta – Segmentos da sociedade o definiu como o “Mês do Perdão“, numa alusão ao “Dia Nacional do Perdão”, comemorado no dia 30 de agosto.
  • – Setembro Verde – Campanha de conscientização e incentivo à doação de órgãos e prevenção ao câncer de intestino.
  • – Outubro Rosa – Campanha Saúde da Mulher, contra o câncer de mama e de colo do útero.
  • – Novembro Azul – Campanha Saúde do Homem, contra o câncer de próstata e diabetes.
  • – Dezembro Vermelho – Luta de combate a Aids.
  • – Dezembro Laranja – Traz o debate sobre a prevenção e o combate ao câncer de pele.
dez
21

Tricentenário voltará a realizar cirurgias ginecológicas a partir de 2019

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

O Hospital do Tricentenário de Olinda (HTri) voltará a realizar cirurgias ginecológicas após um hiato de dois anos e meio. O município recebeu confirmação da liberação de R$ 1,8 milhão, através de emenda parlamentar do deputado federal Augusto Coutinho (Solidariedade), a partir do Fundo Nacional de Saúde.

Segundo a administração da unidade de saúde, a verba vai custear as atividades da instituição e permite a volta da realização dos procedimentos, suspensos desde o fim dos repasses para a área, em 2016.

A fila de espera é de quase mil pacientes, das quais pelo menos 600 serão atendidas em 2019, utilizando a capacidade total do setor, que é de 50 intervenções mensais. Entre os principais procedimentos estão a retirada de útero e cistos de ovário.

 

dez
20

Gestantes de Olinda visitam Maternidade do Tricentenário antes do parto

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

Mulheres grávidas a partir do terceiro trimestre de gestão visitaram ontem (19) a maternidade do Hospital Tricentenário (HTri), no Bairro Novo, em Olinda.

A ação faz parte do programa Nascer Olinda, que tem o propósito de atender um dos objetivos da Rede Cegonha, que vincula a gestante à maternidade do município de residência. O intuito das visitas é possibilitar que as mulheres conheçam o ambiente antes do parto, tornando-o assim mais familiar.

As futuras mamães participaram de uma palestra ministrada pela coordenadora da Saúde da Mulher de Olinda, Cleonúsia Vasconcelos, que falou sobre colocação do Dispositivo Intrauterino (DIU), parto humanizado, direitos das gestantes e acompanhantes. Também orientou para os cuidados durante o trabalho de parto e pós-parto.

Foto: Divulgação

dez
14

Olinda é premiada por experiências de Vigilância e Atenção à Saúde

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

Cuidado integral, educomunicação, gestão e vigilância. Esses foram os quatro eixos que levaram a Secretaria de Saúde de Olinda a conquistar o primeiro lugar e certificado de Menção Honrosa pelo trabalho apresentado na I Mostra de Experiências Integradas de Vigilância e Atenção à Saúde (1ª Expivigas).

O evento foi promovido pela 1ª Gerência Regional da Secretaria Estadual de Saúde, com exposição dos trabalhos e solenidade de entrega do prêmio, realizado no Teatro Ribeira, no Centro de Convenções de Pernambuco, no bairro de Salgadinho – Olinda.  

A Secretaria de Saúde de Olinda concorreu com o trabalho intitulado Planejamento Estratégico Intersetorial no Enfrentamento à Sífilis na cidade, cujo tema foi Vamos Falar de Sífilis. A exposição do trabalho trouxe as experiências e ações desenvolvidas para o enfrentamento da doença, sobretudo, ampliando a oferta de testes rápidos e tratamento à população. 

dez
12

Beco da Marinete vai ganhar posto de saúde

AuthorPostado por: Jornalismo Redação    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

Situado na comunidade Beira Mangue, no bairro de Rio Doce (Olinda), o Beco da Marinete,  vai ganhar uma unidade de saúde, que deverá atender cerca de quatro mil pessoas residentes no entorno.

Até outubro de 2016, a localidade era desconhecida para a maioria da população olindense. Ficou ‘famosa’ depois de um debate na Rádio Jornal (90,3 FM e 780 AM) entre os candidatos à Prefeitura, Professor Lupércio (Solidariedade) e Antônio Campos “Tonca” (era do PSB; hoje está no Podemos).

O ponto alto do debate foi, justamente, a ‘pegadinha’ que Lupércio fez com “Tonca”. Ele perguntou ao adversário como iria resolver o problema do posto de saúde do Beco da Marinete. Depois da resposta genérica do então do socialista, de que iria requalificar os postos de saúde da cidade, Lupércio o acusou de não conhecer Olinda, já que no Beco da Marinete não existia posto de saúde.

A população que mora na localidade e arredores tem que se deslocar para as policlínicas das II e da IV Etapas de Rio Doce, em busca de atendimento. 

Quando entrar em funcionamento, o primeiro posto de saúde do Beco da Marinete vai contar com uma equipe formada por médico, enfermeira, técnico de enfermagem e seis agentes comunitários de saúde (ACS). Os profissionais farão visitas domiciliares e atendimentos no próprio posto.

 

dez
12

Olinda realiza exame para identificar filariose

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , ,

Até a próxima sexta-feira (14), a equipe de Atenção Básica da Secretaria de Saúde de Olinda realiza um mutirão de exames da gota espessa, utilizado para diagnóstico de casos de filariose. A ação ocorre na Unidade de Saúde da Família de Sapucaia ll e III, das 23h à 1h, período em que o parasita circula nos vasos sanguíneos mais superficiais, facilitando a sua identificação.

Podem se submeter ao procedimento pessoas a partir dos cinco anos de idade. Os interessados em fazer o exame também podem buscar atendimento no posto fixo no Serviço de Pronto Atendimento de Peixinhos (SPA), que realiza esse exame de segunda a quinta-feira, no horário noturno. 

Doença parasitária, a filariose é causada por vermes chamados nematoides, que é transmitida de pessoa a pessoa  por meio da picada do mosquito Culex quinquefasciatus (pernilongo).  

Foto: Divulgação

dez
7

Inscrições abertas: 37 vagas de estágio no Hospital Pelópidas Silveira

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Concursos     Tags , , ,

O Hospital Pelópidas Silveira (HPS), no bairro do Curado (Recife), está com inscrições abertas para processo seletivo de estágio. São 37 vagas para estudantes das áreas de Medicina (14), Enfermagem (12), Fisioterapia (7), Nutrição (2), Jornalismo (1) e Serviço Social (1).

As inscrições podem ser feitas até a próxima sexta-feira (14), no site da unidade de saúde. Os interessados devem preencher a ficha de inscrição e anexar histórico escolar atualizado e oficializado pela instituição de Ensino Superior, e duas fotos 3×4. Devem ser entregues na Escolaridade do HPS.

A seleção será realizada em duas etapas: teste cognitivo, com prova objetiva, no dia 19 de janeiro de 2019.; e testes de habilidades e competências, no dia 02 de fevereiro. O resultado será divulgado no dia 08 de fevereiro. Outras informações pelo telefone (81) 3183.0350.

dez
6

Hoje à tarde tem debate sobre homofobia na USF de Peixinhos

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , , ,

A partir de hoje (06), a Secretaria de Saúde de Olinda irá promover, em todas as primeiras quintas-feiras do mês, debates sobre homofobia, destinados ao público LGBT.

O primeiro deles acontecerá nesta quinta-feira, dia 06 de dezembro. O evento acontecerá a partir das 13h30, na Unidade de Saúde da Cohab de Peixinhos. Serão discutidas as dificuldades sofridas diariamente por esse público, e possíveis soluções, entre outros assuntos.

dez
4

Olinda realiza nesta terça-feira atividades de saúde na orla da cidade

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Olinda     Tags , , ,

A Diretoria de Vigilância em Saúde de Olinda promove nesta terça-feira (04), das 8h às 12h, o programa Vigiorla. O trabalho realizará desratização em toda a orla, orientações sobre hanseníase, tuberculose e DST/Aids; além de educação ambiental com a participação dos estudantes da Escola Claudino Leal, da Cidade Tabajara.

A iniciativa é coordenada pelas vigilâncias Epidemiológica, Sanitária e Ambiental, e Saúde do Trabalhador. O evento acontecerá no quiosque da saúde, próximo à Praça Duque de Caxias (do antigo quartel da Polícia do Exército – PE), no Bairro Novo.

dez
2

Qual é a cor do mês de dezembro?

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Saúde     Tags , , ,

Chegou Dezembro. Qual é a cor desse mês?

Na década de 1990, o Ministério da Saúde adotou o que ficou conhecido como as “cores da saúde”, creditadas a alguns meses do ano para a realização de mobilizações e campanhas publicitárias com o intuito de massificar as informações sobre determinadas doenças e a necessidade da prevenção. Os mais conhecidos são o Outubro Rosa (alerta para o câncer de mama) e o Novembro Azul (combate ao câncer de próstata).

Em 2013, diante do número cada vez mais crescente de câncer de pele, a Sociedade Brasileira de Dermatologia resolveu dedicar o mês de dezembro às campanhas de sensibilização para a prevenção da doença. É o #dezembrolaranja

Segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), a cada quatro casos de câncer registrados no Brasil, um é de pele. A cada ano são registrados mais de 200 mil novos casos do câncer da pele em todo o mundo. 

Então, desde ontem (01), até o final deste mês, está rolando o #dezembrolaranja, mês para a conscientização sobre a prevenção ao câncer de pele. Mas conheça, também, as cores dos outros meses:

  • – Janeiro Branco – Alerta sobre a saúde mental.
  • – Fevereiro Roxo – Campanha de combate ao Lupus, Fibromialgia e Mal de Alzheimer.
  • – Março Azul – Foca no debate da sociedade sobre a prevenção ao câncer colorretal.
  • – Abril “Quebra-cabeça” (várias cores – Combate ao autismo). A sociedade civil também tem neste mês o “Abril Verde”, para a conscientização sobre a importância da segurança no trabalho.
  • – Maio Vermelho – Campanhas de prevenção à hepatite. Os órgãos estaduais de trânsito massificam o Maio Amarelo, provocando o debate sobre a prevenção de acidentes de trânsito. 
  • – Junho Laranja – Combate à leucemia e anemia. Também há referências ao Junho Vermelho, enfocando a importância da doação de sangue – em 14 de junho comemora-se o Dia Mundial do Doador de Sangue.
  • – Julho Amarelo – Combate ao câncer ósseo.
  • – Agosto Dourado – Mobilização da sociedade civil para o incentivo e informação sobre o aleitamento materno. De 01 a 07 comemora-se a Semana Mundial da Amamentação.
  • – Agosto Violeta – Segmentos da sociedade o definiu como o “Mês do Perdão“, numa alusão ao “Dia Nacional do Perdão”, comemorado no dia 30 de agosto.
  • – Setembro Verde – Campanha de conscientização e incentivo à doação de órgãos e prevenção ao câncer de intestino.
  • – Outubro Rosa – Campanha Saúde da Mulher, contra o câncer de mama e de colo do útero.
  • – Novembro Azul – Campanha Saúde do Homem, contra o câncer de próstata e diabetes.
  • – Dezembro Vermelho – Luta de combate a Aids.
  • – Dezembro Laranja – Traz o debate sobre a prevenção e o combate ao câncer de pele.
dez
1

Sai o Novembro Azul, entra o Dezembro Laranja

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Saúde     Tags , , ,

Acabou o Novembro Azul, campanha que alerta para a prevenção sobre o câncer de próstata nos homens, e com a chegada do último mês do ano vem a campanha do Dezembro Laranja. Este é o mês da conscientização para o câncer de pele.

O problema atinge homens e mulheres; brancos e negros; jovens e idosos. Principalmente em países como o Brasil, de clima tropical. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), a cada quatro casos de câncer registrados no país, um é de pele.

A cada ano são registrados mais de 200 mil novos casos do câncer da pele em todo o mundo e, para tentar frear essa estatística (que só cresce), desde 2013 a Sociedade Brasileira de Dermatologia dedica o mês de dezembro à sensibilização para a prevenção da doença.

Este mês, todas as publicações do OLINDA HOJE sobre o tema virão com a hashtag #dezembrolaranja. Se você nunca fez, tenha consciência da necessidade do autoexame. Observe o aparecimento de pequenas lesões, que podem se apresentar como manchas ou pápulas (lesões elevadas, rosadas, que podem doer, coçar ou até sangrar.

Fique atento a sinais que crescem ou mudam de cor e às lesões que não cicatrizam. Surgiu algo semelhante, consulte um dermatologista.

nov
30

17 planos de saúde estão com as vendas suspensas

AuthorPostado por: Acioli Alexandre    CategoryEm: Serviços     Tags ,

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) anunciou nesta sexta-feira (30) a suspensão de 17 planos de saúde de três operadoras, por reclamações na cobertura assistencial. Segundo a ANS, os 156,6 mil beneficiários dos planos suspensos não são afetados, porque a medida impede apenas a realização de vendas para novos clientes.

A decisão foi tomada depois da análise trimestral do Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento, que avalia as reclamações registradas pelos beneficiários e a resolução das queixas.

Os planos só poderão ser comercializados novamente quando forem comprovadas melhorias na cobertura do plano. Foi o que aconteceu com 19 planos de oito operadoras, que haviam sido suspensos anteriormente e receberam hoje (30), autorização para voltar a ser comercializados a partir de 07 de dezembro.

No último trimestre do Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento, foram analisadas 16.442 queixas de clientes de planos de saúde, das quais 95,62% foram resolvidas através de mediação feita pela ANS.

Fonte: Agência Brasil

Carnaval 2019

Está chegando o Sábado de Carnaval2 de março de 2019
45 dias restantes.

Olinda Hoje no Facebook:

Previsão do Tempo:

Favoritos

Categorias do Blog:

Mapa do Site:

Arquivos do Blog:

Olinda Hoje

%d blogueiros gostam disto: